Massimiliano Allegri

Equipe de Allegri visa a primeira vitória na competição (Foto: Divulgação)

RADAR/LANCE!
26/09/2016
19:40
Rio de Janeiro (RJ)

Ainda é o segundo jogo pelo Grupo H da Liga dos Campeões, mas já dá para afirmar que a Juventus entra para o duelo diante do Dínamo Zagreb pressionada por um bom resultado. O confronto será realizado nesta terça-feira, às 15h45 (de Brasília), no estádio Maksimir, na capital da Croácia. 

Favorita da chave, a equipe de Turim vem de um empate em casa com o Sevilla. Agora, os pentacampeões nacionais precisam retornar à Itália com pontos na bagagem, principalmente pela fragilidade dos adversários, que foram goleados pelo Lyon na estreia, por 3 a 0.

Vindo de vitória no Campeonato Italiano, onde lidera, o técnico Massimiliano Allegri preferiu minimizar o tropeço na estreia e afirmar que seu comandados precisam ter atenção na Croácia.

- Amanhã vai servir atenção e concentração. Os três pontos serão fundamentais e a vitória chegará através de um jogo disputado no caminho certo. Queremos o triunfo, e queremos com um bom desempenho - disse o treinador, que deve voltar a escalar Hernanes no time titular, ao lado de Pjanic e Khedira.

Mais um chance para Ganso 

Em casa, o Sevilla tem a chance de arrancar um bom resultado e sonhar com uma vaga na próxima fase da Champions. Também nesta terça, às 15h45 (de Brasília), o time andaluz recebe o Lyon, no estádio Ramón Sánchez Pizjuán. 

Ganso - Sevilla
Ganso deve ser titular nesta terça (Foto: Reprodução/Twitter)

Diante dos cascudos franceses, que vêm de vitória também no Francês, o treinador Jorge Sampoli deve escalar Paulo Henrique Ganso como titular - principalmente por mais "profundidade", de acordo com o próprio técnico, pedida após o revés diante do Athletic Bilbao, no último fim de semana.

- Todo jogador que chega a um clube precisa de uma adaptação, que pode ser imediata, lenta ou que nunca aconteça. Nesta partida, acredito que os dois (Ganso e Ben Yedder) estarão em campo e poderão nos ajudar - disse Sampaoli, complementando sobre o rival desta terça:

- Vamos encontrar um rival muito bem protegido atrás e que tem muita velocidade na transição - comentou.

Rafael - Lyon
Rafael é titular do time francês (Foto: Divulgação)

Visitantes, os franceses, que contam com o brasileiro Rafael (ex-Fluminense) entre os titulares, querem manter a liderança do Grupo H. O treinador Bruno Génésio, que foi direto quando abordado sobre o quesito motivação na competição.

- Motivação é natural na Liga dos Campeões, caso contrário, o jogador deve mudar de emprego ou se aposentar.