Santa Cruz x Independiente Medellín

Santa Cruz conseguiu vencer por 3 a 1, mas não avançou por conta de gol sofrido em casa (Foto: Genival Paparazzi)

RADAR/LANCE!
28/09/2016
23:38
Recife (PE) 

O Santa Cruz recebeu o Independiente Medellín na noite desta quarta-feira e por pouco não saiu com a classificação para as quartas de final da Copa Sul-Americana. No Arruda, time vinha se classificando até os 31 minutos da etapa final, quando Ibargüen aproveitou falha de Edson para descontar. Na vitória por 3 a 1, Grafite fez os três para o time da casa, que foi eliminado por ter sofrido gol dentro de casa. 

O Independiente Medellín aguarda agora o vencedor do Confronto entre Cerro Porteño e Santa Fé para conhecer o seu adversário nas quartas de final. No primeiro jogo entre as duas equipes, o Independiente Santa Fé venceu em casa, por 2 a 0. Segunda partida acontece nesta quinta-feira, às 21h45. 

O JOGO

O Santa Cruz começou a partida indo para cima e aos 13 minutos Grafite subiu mais que todo mundo e de cabeça abriu o placar para o time da casa. Atacante voltou a marcar depois de quase três meses. Os visitantes responderam com Caicedo, mas Edson Kolln foi bem para fazer a defesa. Aos 30, de novo Grafite. Pisano cruzou na cabeça do atacante que marcou outra vez. Time foi para o vestiário com o resultado que levava a disputa para os pênaltis.

Na volta para a etapa final, o time colombiano voltou pressionando e o Santa só se defendendo, esperando o momento certo para sair no contra-ataque. Aos 25, Keno deixou Grafite na cara do gol e atacante só tirou do goleiro para marcar o seu terceiro gol na partida. Seis minutos depois, Edson Kolln saiu mal do gol e Ibargüen fez para os visitantes. Santa sentiu o gol e não teve forças para fazer mais um e buscar a classificação. 


FICHA TÉCNICA
SANTA CRUZ 3 X 1 INDEPENDIENTE MEDELLÍN


Data e hora: 28/09/16, às 21h45
Local: Estádio do Arruda, em Recife (PE)
Árbitro: Jorge Argote (VEN)
Assistentes: Luis Sanchez (VEN) e Francheskoly Chacon (VEN
Cartões amarelos: Grafite (STA) e Piedrahita e Jorge Arias (DIM)
Cartão vermelho: Não houve.
Público e Renda: 5.474 pagantes e R$ 67.335,00
Gols: Grafite, 13/1ºT (1-0); Grafite, 30'/1ºT (2-0); Grafite, 25'/2ºT (3-0); Ibargüen, 31'/2ºT (3-1)

SANTA CRUZ: Edson Kölln; Léo Moura, Neris, Danny Morais e Allan (Jadson, 8'/2ºT); Uillian Correia, Derley (Bruno Moraes, 36'/2ºT) e João Paulo; Pisano (Mazinho, 24'/2ºT), Keno e Grafite. TEC: Doriva.

INDEPENDIENTE MEDELLÍN: David González; Piedrahita (Marrugo, intervalo), Andrés Mosquera, Arias (Ibargüen, 20'/2ºT) e Valencia; oreno, Cabezas (Hechalar, 30'/2ºT), Córdoba e Luis Arias; Molina e Juan Caicedo. TEC: Leonal Álvarez.