Tim Howard (Foto: Divulgação)

Tim Howard estará em campo diante dos mexicanos (Foto: Divulgação)

LANCE!
09/11/2016
18:26
Columbus (EUA)

O confronto entre Estados Unidos e México nesta sexta-feira, às 22h45 (de Brasília), pela primeira rodada do hexagonal final das Eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo de 2018, está cercado de expectativas. O duelo ocorre um dia depois da confirmação de Donald Trump, do partido Republicano, como novo presidente dos EUA. Em sua campanha, o bilionário adotou um discurso de ódio em relação aos mexicanos, prometendo construir um muro separando os dois países e deportando os imigrantes ilegais.

Goleiro dos Estados Unidos, Tim Howard acredita que a eleição de Trump à presidência dos EUA não vai interferir no duelo.

- Toda essa questão política, isso não significa nada. Não vou responder perguntas sobre isso, prefiro não me envolver. O México vai tentar ser melhor do que nós, e nós vamos querer superar eles. Isso é futebol, e não tem nada a ver com política - disse o goleiro do Colorado Rapids.

Estados Unidos, México, Honduras, Costa Rica, Panamá e Trinidad e Tobago estão na última fase das Eliminatórias da Concacaf. Os três melhores avançam para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. O quarto colocado vai para a repescagem contra uma seleção asiática.