Manchester United x West Ham

Jogadores comemoram gol de Rashford (Foto: Reprodução / Twitter)

LANCE!
13/04/2016
16:59
Londres (ING)

O Manchester United mantém firme a chance de conquistar um título nesta temporada. A equipe foi até Londres e venceu, no sufoco, o West Ham, por 2 a 1, e está classificada para as semifinais da Copa da Inglaterra. O jovem Rashford fez o primeiro dos Red Devils, o chamado golaço. Felaini fez o outro, enquanto Tomkins descontou. Mas quem pode ser considerado o grande herói foi o goleiro De Gea, que protagonizou cenas memoráveis e fechou a meta. No fim, Rooney foi a campo e voltou a jogar após dois meses.

A partida na capital inglesa foi o replay. No primeiro jogo, Martial salvou o United no fim ao empatar em 1 a 1. Agora, o time de Manchester vai enfrentar o Everton. Na outra semifinal, Crystal Palace e Watford medem forças por uma vaga na final.

O West Ham começou o jogo tomando as rédeas da partida, dando a entender que imprensaria o Manchester United no campo defensivo. Apesar de estar mais presente no ataque, os Hammers não ameaçaram tanto. Pelo contrário, as melhores chances foram dos visitantes.

Felaini teve uma excelente oportunidade. O chute do meia belga bateu em Ogbonna e quase surpreendeu Randolph, que fez grande defesa. Enner Valencia vinha sendo perigoso pelo West Ham e teve suas oportunidades, mas não foi tão bem nos arremates.

Rashford - West Ham x Manchester United
Rashford fez o primeiro do United (Foto: Reprodução / Twitter)

O United chegou bem novamente em boa jogada do jovem Rashford. O garoto tocou para Lingard, que bateu para outra grande defesa de Randolph.

A volta para o intervalo mostrou a superioridade do United. A equipe passou a rondar com mais constância a área dos anfitriões. E chegou ao gol logo aos nove minutos. O lateral Michail Antonio saiu jogando errado e Martial tocou para Rashford. O jovem, de 18 anos, dominou e chutou com extrema categoria, no ângulo, sem chances para Randolph. Um golaço!

Precisando de, ao menos, um gol para se manter vivo, o West Ham ganhou terreno. Foi para o ataque, passou a assustar De Gea. Mas o goleiro não era bem testado. Por outro lado, o United era mais perigoso. E foi letal. Aos 23 minutos, Felaini recebeu cruzamento da esquerda dentro da área, dominou no peito e deixou com Lingard. O jovem foi ao fundo e cruzou. Martial pegou do outro lado e chutou. No caminho, o meia belga escorou e marcou o segundo do Manchester.

Badalado, o francês Payet não era visto em campo, o que atrapalhava as ações ofensivas do West Ham. Carroll também não se encontrava e era bem parado pela zaga do United.

Mas a pressão passou a ser intensa dos Hammers. Em cobrança de escanteio, Emenike escorou , De Gea fez linda defesa e jogou para fora. Na cobrança do tiro de canto, a bola foi lançada na área, Carroll desviou e Tomkins descontou aos 34 minutos.

O gol animou o West Ham. Na base do 'tudo ou nada', a equipe martelou e quase chegou ao empate. Mas De Gea fez milagres em chutes de Carroll e Kouyaté. O senegalês chegou a marcar no rebote, mas estava impedido. No fim, a pressão não surtiu o efeito desejado e o time londrino perdeu, em casa, e está eliminado da Copa da Inglaterra. O Manchester United ainda segue na luta por um título na temporada.