RADAR/LANCE!
24/03/2016
09:57
Rio de Janeiro (RJ)

Uma notícia triste para os apaixonados por futebol marcou esta quinta-feira. O ídolo holandês Johan Cruyff faleceu nesta manhã, vítima de um câncer no pulmão, aos 68 anos de idade.

A informação foi divulgada no site e nas redes sociais do ex-jogador de Barcelona e Ajax, que vinha lutando contra a doença desde o diagnóstico da mesma em outubro de 2015. Cruyff, desde a época que jogava, nunca escondeu o seu apreço por cigarro. 

VEJA O COMUNICADO OFICIAL SOBRE A MORTE DE CRUYFF

"Em 24 de março de 2016, Johan Cruyff (68) morreu pacificamente em Barcelona, cercado de sua família após uma dura batalha contra um câncer. É com grande tristeza que pedimos que você respeite a privacidade da família durante este tempo de pesar" 

Cruyff marcou sua geração por ser um dos líderes técnicos da campanha histórica da seleção holandesa na Copa do Mundo de 1974, que passou a ser chamada de "Laranja Mecânica". 

O holandês começou a sua carreira no Ajax e foi considerado por muitos fãs e pela imprensa mundial um revolucionário, já que não guardava posição e se diferenciava na questão tática. Pelo Barcelona, como jogador, conquistou o Campeonato Espanhol e a Copa do Rei.

Quando encerrou a sua carreira, treinou o clube catalão e conduziu a equipe a quatro canecos do Espanhol e ao primeiro título da Liga dos Campeões, em 1992.