Rafa Benitez - Chelsea (Foto: Ian Kington/AFP)

Rafa Benitez segue no comando do Real Madrid (Foto: Ian Kington/AFP)

LANCE!
23/11/2015
17:08
Madri (ESP)

Criticado e correndo risco de demissão, o técnico Rafael Benítez ganhou o respaldo da diretoria do Real Madrid após goleada sofrida para o Barcelona por 4 a 0, no último sábado, no Santiago Bernabéu. O apoio foi comunicado nesta segunda-feira, em pronunciamento oficial feito pelo presidente do clube, Florentino Pérez, antes de uma entrevista coletiva.

- Analisamos a situação esportiva. Rafa Benítez tem nosso apoio e confiança. Ele foi escolhido por sua capacidade de aproveitar o máximo rendimento do nosso elenco. Acreditamos que o momento é para seguir trabalhando com rigor e intensidade. Vamos deixá-lo trabalhar que os resultados aparecerão. Entendo o mal-estar de sábado, mas peço apoio à equipe. Acreditamos que temos um plantel fabuloso - colocou o mandatário.


Benítez soma 16 jogos pelo Real Madrid; dez vitórias quatro empates e duas derrotas, consolidando um aproveitamento de 70,8%. Até o dia 8 deste mês, o time era o único invicto na temporada entre as grandes ligas europeias. No entanto, as derrotas para Sevilla e Barcelona - ambas pelo Espanhol -, tiveram muito peso sobre a trajetória do treinador.

Substituto do italiano Carlo Ancelotti, Benítez chegou ao Real Madrid durante as últimas férias do futebol europeu e recebeu muitas críticas por mudar o estilo de jogo dos Merengues. Após a goleada no clássico de sábado, alguns jornais espanhóis deram como consolidada a saída do técnico.

Já Florentino também precisou esclarecer alguns pontos polêmicos. Um deles foi a declaração de Cristiano Ronaldo de que não sabia se ficaria no Real Madrid. O gajo ainda foi visto jantando com membros da diretoria do Paris Saint-Germain, aumentando ainda mais os rumores sobre o futuro do camisa 7.

- Cristiano Ronaldo não falou nada. E quero que saibam: este presidente do Real Madrid estava no restaurante. O fato é que tentam perturbar a estabilidade deste clube. Todo o dia publicam uma notícia desta natureza. A vida dessa gente é prejudicar o Real Madrid - disse o presidente.