Kaká e Messi - Bola de Ouro (Foto: Fabrice Coffini / AFP)

Messi é o recordista em Bolas de Ouro, cinco no total (Foto: Fabrice Coffini / AFP)

LANCE!
15/09/2016
21:23
Atenas (GRE)

O jornal catalão Mundo Deportivo assegura que o presidente da Fifa, Gianni Infantini, não quer mais dividir com a revista France Football a entrega do prêmio de melhor jogador do mundo, como é feito desde 2010.

A proposta foi debatida durante o último congresso da Uefa, em Atenas. Cogita-se também a possibilidade do órgão europeu trocar de sede e se instalar em Londres, deixando Zurique.

Com apenas votos de jornalistas europeus, a Bola de Ouro era uma marca registrada da France Football desde 1956. Em 2010, a revista passou a entregá-la em parceria com a Fifa, agregando o sufrágio dos capitães e treinadores das seleções associadas à entidade máxima do futebol.

Já a Fifa começou a premiação somente em 1988, quando Van Basten levou o troféu. Pelé, portanto, não tinha como ficar com o galardão. Em janeiro de 2014, a Fifa e a France Football decidiram entregar uma Bola de Ouro ao Rei para consertar a injustiça.