Fadil Vokrri, do kosovo

Federação de Kosovo comemora entrada na Uefa e na Fifa (Foto: AFP / ARMEND NIMANI)

LANCE!
05/09/2016
14:40
Zurique (SUI)

A Fifa deu autorização para a seleção de Kosovo utilizar até nove jogadores de outras nacionalidades. O país será representado por Fanol Perdedaj, Bersant Celina, Hekuran Kryeziu, Albert Bunjaku, Enis Alushi, Sinan Bytyçi, Vedat Muriç, Erton Fejzullahu e Elbasan Rashan, nomes, inclusive, que já representaram outras seleções.

Quatro destes atletas são de Albânia, que protestou contra a medida. O quarteto disputou a última Eurocopa, na França.

As regras da Fifa afirmam que um jogador não pode defender uma outra seleção caso tenha jogado alguma partida oficial. Porém, como o pedido partiu dos próprios atletas, a entidade liberou a troca.

Reconhecido pela Fifa e pela Uefa em maio, Kosovo disputa as Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2018, o primeiro torneio oficial do país. A seleção está no Grupo I, ao lado de Finlândia, Croácia, Islândia, Ucrânia e Turquia.

Kosovo, que conseguiu a independência da Sérvia em 2008, entrou no órgão europeu na semana passada em votação apertada: 28 a 24. Na entidade mundial foi mais fácil, teve 86% a favor.