HOME - Chile x Peru - Copa América - Valdivia (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena/LANCE!Press)

Armador perdeu espaço na seleção após a saída de Sampaoli (Foto: Marcelo Machado de Melo/Fotoarena)

LANCE!
27/09/2016
15:31
São Paulo (SP)

Nesta terça-feira, o Chile divulgou a lista de convocados que atuam no exterior para os jogos de outubro das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. E o chamado do técnico argentino Juan Antonio Pizzi trouxe dois destaques: um problema para o São Paulo no Campeonato Brasileiro e o retorno do ex-palmeirense Jorge Valdivia.

O Mago, peça fundamental nos tempos de Jorge Sampaoli no comando da Roja, perdeu espaço desde a troca de treinador na seleção e só agora foi lembrado por Pizzi. O armador de 32 anos atua pelo Al Whada (EAU) e recebeu elogios pela frequência de jogos, superando problemas físicos.

- Consideramos muitas variáveis na hora de convocar um atleta. As qualidades de Valdivia podem nos ajudar. E ele participou de todos os minutos de seu time, exceto por uma ausência por suspensão - explicou Pizzi.

Mas a convocação trouxe prejuízos para o São Paulo. Isso porque Eugenio Mena mais uma vez foi chamado e perderá dois jogos importantes no Brasileirão. Como o Chile joga nos dias 6 e 11 de outubro contra Equador e Peru, o lateral-esquerdo perderá o confronto direto contra o Sport contra o rebaixamento no dia 5 e pode ficar fora de clássico com o Santos, dia 13.

Confira os convocados "estrangeiros" do Chile para as Eliminatórias:

Goleiro:
Claudio Bravo (Manchester City)

Defensores: Mauricio Isla (Cagliari), Igor Lichnovsky (Valladolid), Eugenio Mena (São Paulo), Paulo Díaz (San Lorenzo), Enzo Roco (Cruz Azul), Erick Pulgar (Bologna), Miiko Albornoz (Hannover)

Meio-campistas: Arturo Vidal (Bayern de Munique), Felipe Gutiérrez (Betis), Charles Aránguiz (Bayer Leverkusen), Marcelo Díaz (Celta), Pedro Pablo Hernández (Celta), Francisco Silva (Cruz Azul), Jorge Valdivia (Al-Wahda)

Atacantes: Alexis Sánchez (Arsenal), Mauricio Pinilla (Atalanta), Edson Puch (Necaxa), Eduardo Vargas (Hoffenheim), Junior Fernandes (Dinamo Zagreb)