Schweinsteiger - Alemanha x Ucrania

Schweinsteiger jogou a última Eurocopa pela Alemanha (Foto: Martin Bureau / AFP)

LANCE!
26/08/2016
13:08
Berlim (ALE)

Conforme prometido, o técnico da Alemanha, Joachim Löw, convocou Bastian Schweinsteiger para despedida do craque na seleção. O jogador, que havia anunciado sua aposentadoria, foi lembrado para o amistoso diante da Finlândia e o jogo das Eliminatórias para Copa do Mundo de 2018 contra a Noruega.

Se será a última convocação de Schweinsteiger, foi a primeira do zagueiro Niklas Sule, do Hoffenheim. Ele foi titular da Alemanha nos Jogos Olímpicos e acabou com a medalha de prata após perder nos pênaltis para o Brasil. Outras duas novidades foram os meias Max Meyer, do Schalke 04, e Julian Brandt, do Bayer Leverkusen, também presentes na Olimpíada.

Esta seria a última convocação do atacante Lukas Podolski, que também anunciou aposentadoria da seleção. Mas o jogador do Galatasaray está machucado e terá uma nova oportunidade para ser homenageado.

O clube com maior número de convocados foi o Bayer, quebrando uma tradição do Bayern de Munique. O clube de Leverkusen emplacou o goleiro Leno, o zagueiro Jonathan Tah, os meias Bellarabi e Brandt, e o atacante Kevin Volland.

Podolski - Alemanha
Podolski terá outra chance de se despedir (Foto: Reprodução)

O Bayern teve quatro nomes na lista: o goleiro Neuer, o zagueiro Hummels, o volante Kimmich e o atacante Müller. Lesionado, Boateng ficou fora. O Borussia Dortmund, por sua vez, teve três jogadores na lista de Löw: o volante Weigl, o meia Götze e o atacante Schürrle.

O amistoso contra a Finlândia está marcado para o dia 31 de agosto. No dia 4 de setembro, os germânicos vão a Oslo enfrentar a Noruega.

VEJA A LISTA DA ALEMANHA


GOLEIROS: Manuel Neuer (Bayern de Munique), Bernd Leno (Bayer Leverkusen) e Marc-André Ter Stegen (Barcelona);

DEFENSORES: Mats Hummels e Joshua Kimmich (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke 04), Jonathan Tah (Bayer Leverkusen), Jonas Hector (Colônia), Shkodran Mustafi (Valencia), Emre Can (Liverpool) e Niklas Süle (Hoffenheim); 

MEIAS: Bastian Schweinsteiger (Manchester United), Sami Khedira (Juventus), Julian Weigl e Mario Götze (Borussia Dortmund), Max Meyer (Schalke 04), Julian Brandt e Karim Bellarabi (Bayer Leverkusen), Toni Kroos (Real Madrid) e Mesut Özil (Arsenal);

ATACANTES: André Schürrle (Borussia Dortmund), Thomas Müller (Bayern de Munique) e Kevin Volland (Bayer Leverkusen).