LANCE!
24/02/2016
11:55
Zurique (SUI)

A câmara arbitral do Comitê de Ética da Fifa, presidida por Hans-Joachim Eckert, abriu procedimento formal contra dois ex-dirigentes do futebol sul-americano. Estão na mira do órgão Luis Bedoya, ex-presidente da Fedeação Colombiana e ex-membro do Comitê Executivo da Fifa, e Sargio Jadue, ex-presidente da Federação Chilena e ex-vice da Conmebol.

Ambos estão nos Estados Unidos, onde se declararam culpados e participantes do esquema de corrupção e suborno descoberto pelas autoridades americanas.

A câmara investigatória do Comitê de Ética já recomendou o banimento definitivo dos dois dirigentes de todas as atividades relacionadas ao futebol.

No curso das investigações, segundo a Fifa, os dois dirigentes serão convidados a enviarem provas e defesa antes de qualquer decisão definitiva do Comitê de Ética.