Maccabi Tel Aviv X Chelsea(foto:AFP)

Diego Costa tenta uma bicicleta na goleada do Chelsea (foto:AFP)

RADAR/LANCE!
24/11/2015
19:37
Haifa (ISR)

O Chelsea entrou pressionado na quinta rodada do Grupo G da Liga dos Campeões. Mesmo longe de ter uma atuação de encher os olhos, goleou o lanterna Maccabi Tel Aviv por 4 a 0 nesta terça-feira. O triunfo dos Blues teve participação importante dos brasileiros, uma vez que Willian, de falta, e Oscar deixaram suas marcas. Cahill e Zouma fizeram os outros gols.

Com o resultado, o Chelsea chegou as 10 pontos e assumiu a liderança da chave graças ao tropeço do Porto (veja mais abaixo). Os israelenses permaneceram zerados e sem chances inclusive de ir a Liga Europa.

O JOGO 
Sem chances de classificação até mesmo para a Liga Europa, o Maccabi Tel Aviv mostrou desde os primeiros minutos que não seria uma presa fácil. E fez isso mostrando que os contra-ataques tirariam o fôlego dos torcedores dos Blues. Mesmo em má fase na temporada, o Chelsea foi, aos poucos, mostrando suas qualidades e dominando o adversário.

O gol marcado por Cahill, após cobrança de escanteio, deu uma maior tranquilidade a equipe de José Mourinho. Tabelas rápidas e penetrações pelo centro da área viraram constantes e o segundo gol parecia questão de tempo. O cenário de superioridade inglesa aumentou com a expulsão de Ben Haim já no fim da primeira etapa após chute em Diego Costa.

A volta do intervalo, no entanto, parece ter mudado a postura de ambas as equipes. Quando tudo levava a crer que o Chelsea, pela superioridade numérica e de qualidade, não seria ameaçado, o Maccabi aproveitou a desorganização tática dos Blues, tão comum nesta temporada, para assustar. Com o lado esquerdo defensivo inglês desarrumado, os israelenses quase chegaram ao empate em três oportunidades. Na melhor delas, Zahavi obrigou Begovic a fazer grande defesa.

Mesmo pressionado, o Chelsea também criou chances. Rajkovic, goleiro do Maccabi, fez duas defesas sensacionais. No entanto, nada pôde fazer quando Willian cobrou falta com perfeição. Com a vantagem de dois gols e um homem a mais, os Blues ficaram mais à vontade em campo. Oscar, de cabeça, transformou o triunfo em goleada. No fim, ainda teve tempo de Zouma fazer o quarto. Será que o triunfo trará mais tranquilidade ao técnico José Mourinho? Vamos aguardar as cenas do próximos capítulos.

PORTO PERDE E SE COMPLICA

Porto X Dínamo de Kiev (FOTO:AFP)
Jogadores do Dínamo de Kiev celebram a vitória (FOTO:AFP)


Se o Chelsea começou a rodada pressionado, o Porto iniciou com a melhor das expectativas. Jogava em casa e uma vitória já garantiria a vaga nas oitavas de final. Faltou só combinar com o Dínamo de Kiev.

Os ucranianos venceram os portugueses por 2 a 0 em pleno Estádio do Dragão. Yarmolenko e Derlis González (com frango de Casillas) garantiram a improvável triunfo. Com o resultado, o Dínamo chegou aos 8 pontos. O Porto caiu para segundo e tem os mesmos 10 pontos do Chelsea.

Na última rodada do Grupo G, o Chelsea recebe o Porto. Quem vencer passa em primeiro. O empate garante os Blues, uma vez que o Dínamo de Kiev recebe o já eliminado Maccabi Tel Aviv e se vencer supera o Porto nos critérios de desempate (confronto direto).