RADAR/LANCE!
27/03/2016
16:39
Rio de Janeiro (RJ)

A crise financeira mundial deixou a sua marca nas eliminatórias da Copa das Nações Africanas. Neste domingo, representantes da seleção de Chade anunciaram que eles desistiram da competição por motivos econômicos. Detalhe: isto na véspera do duelo diante da Tanzânia. 

- Nosso país foi afetado pela crise econômica global e, por isso, nossa participação em várias competições tomou um sério golpe por restrições financeiras. Desejamos o melhor a todos e pedimos desculpas por essa situação, que independe de nossos desejos - diz o comunicado divulgado pela federação de Chade.

Sem pontuar nas três partidas que já disputou na competição, Chade era o lanterna do Grupo G das eliminatórias da Copa das Nações Africanas. 

Agora, Confederação Africana de Futebol (CAF) deve anular as partidas diante de Nigéria, Egito e Tanzânia pelo Grupo G.