Caio

(Foto: Divulgação)

RADAR/LANCE!
12/04/2016
11:10
Rio de Janeiro (RJ)

Antes do jogo deste último domingo, o brasileiro Caio vinha sendo o destaque da equipe titular do Kashima Antlers. Autor de dois gols nas duas partidas anteriores, ele se preparava para atuar diante do clube em que mais balançou as redes em sua curta carreira profissional. Mas ele, surpreendentemente, começou a partida diante do Sanfrecce Hiroshima, pela 6ª rodada da Campeonato Japonês no banco de reservas.

O jovem de 21 anos viu o jogo terminar empatado em 1 a 1 no primeiro tempo. E, com a chegada da segunda etapa, o atacante entrou e decidiu, marcando dois gols que o levaram a ser eleito o prêmio de melhor jogador da partida.

- Esse jogo foi um misto de sentimentos. Da decepção por ter começado no banco de reservas à alegria pelos gols e assistência e, acima de tudo, ter ajudado mais uma vez o Kashima a pontuar. Seguimos no topo da classificação da J-League, o que era o principal objetivo desse jogo. Não podíamos perder em casa para não corrermos o risco de sair das primeiras colocações. Agora é seguir treinando forte para conquistar de vez a confiança do treinador - avaliou Caio.

Agora, com os dois gols marcados, Caio chega à marca de quatro anotados em quatro confrontos diante desse adversário, confirmando a fama de carrasco da equipe de Hiroshima. 

O próximo compromisso do Kashima Antlers é contra o Shonan Bellmare, fora de casa, no sábado que vem, pela 7ª rodada da J-League. Em caso de vitória, a equipe poderá alcançar a liderança da competição, que está com o Kawasaki Frontale, com 14 pontos, apenas um a mais que o time de Caio. Já o Bellmare é o último colocado com apenas dois pontos nas seis rodadas já disputadas.