Buffon

Veterano e ídolo: Buffon vive ótima fase na Juventus, onde tem contrato até junho de 2018 (Foto: Reprodução)

RADAR/LANCE!
11/10/2016
15:52
Mônaco (FRA)

Campeão do mundo e ídolo da Itália, Gianluigi Buffon recebeu mais um prêmio individual pela sua brilhante carreira. Nesta terça-feira, o goleiro foi premiado com o "Golden Foot", prêmio anual concedido apenas a jogadores com mais de 28 anos. O troféu foi entregue num evento realizado em Mônaco.

Bastante honrado, o italiano comentou sobre a sensação da conquista, após ser escolhido por um júri formado por jornalistas de diversos veículos de imprensa mundo afora.

- Estar aqui é um prazer. Em Monte Carlo, sempre recebi prêmios importantes, e espero conquistar mais. Eu fui premiado há 13 anos como o melhor jogador da Liga dos Campeões, e agora com o Golden Foot. Estou radiante e feliz, já que aqui há a presença de figuras importantes, como De Boer, Ranieri e outras pessoas que fizeram coisas extraordinárias pelo futebol. Nos anos anteriores, fui indicado, mas nunca venci. Talvez eu tenha feito algo a mais para merecer isso - disse Buffon, que é o primeiro arqueiro a ficar com o prêmio entre os veteranos. 


O "Golden Foot" tem uma peculiaridade: não pode ser cedido a um mesmo jogador por mais de uma vez. Ronaldo, Roberto Carlos e Ronaldinho Gaúcho são os brasileiros que já ficaram com este prêmio. 

Para levar o prêmio deste ano, o goleiro da Juventus teve que superar nove astros, como Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Kaká e Thiago Silva. Com isso, o experiente goleiro de 38 anos deixou suas mãos marcados no "Passeio dos Campeões", que é uma espécie de calçada da fama, localizado em frente ao mar no Principado de Mônaco.

Buffon
Buffon deixa suas mãos no 'Passeio dos Campeões', no principado de Mônaco (Foto: Reprodução)