LANCE!
21/11/2017
16:55
Istambul (TUR)

Tido por muitos como o mais equilibrado da Liga dos Campeões, o Grupo G já tem um líder definido. Em casa, o Besiktas ficou no empate com o Porto, em 1 a 1, e garantiu o topo de forma antecipada, nesta terça-feira, em duelo realizado no pulsante Vodafone Park (Istambul), na abertura da quinta rodada. Os gols vieram de brasileiros, com o zagueiro Felipe e o meia Anderson Talisca. 

Como só resta um jogo para cada, o Besiktas, agora com 11 pontos, não pode mais ser alcançado pelo Porto, que hoje é o segundo colocado, com sete, e pelo RB Leipzig, que tem quatro e ainda joga nesta terça, contra o lanterna Monaco (dois pontos). A última vaga será decidida apenas na derradeira rodada. 

O JOGO

O Porto entrou disposto a estragar a linda festa da torcida do Besiktas. Mesmo sem Tiquinho Soares, o Dragão foi agressivo e não quis adotar uma postura defensiva. Aos 28 minutos da etapa inicial, os visitantes, merecidamente, foram à rede. Após bela jogada ensaiada em falta lateral, Ricardo Pereira rolou para Felipe, que finalizou com categoria, forte e no alto: caixa. 

O Besiktas parecia ter sentido o golpe. Parecia... Depois de outro susto, com Aboubakar perdendo boa chance, Tosun decidiu a parada. Já aos 40, fez linda jogada individual e, sem nada de egoísmo, rolou para Anderson Talisca só escorar, já com o goleiro José Sá - titular na vaga do preterido Casillas - batido. 

Por falar em Sá, ele foi bastante exigido com a pressão dos turcos no reinício. A trave também ajudou, quando Babel arriscou de fora da área. Quaresma também esteve perto da virada, mas a melhor chance ficou no pé direito de Ricardo Pereira, que se mostrou torto quando ele tentou, à la Quaresma, enfiar uma trivela. A bola quase foi parar na lateral. 

O ritmo do Porto diminuiu, pois optou apenas por se defender, além de não demonstrar ímpeto nos contragolpes. Do outro lado, sabendo do valor da igualdade, não houve mais investidas para correr riscos. Empate justo.