Hertha Berlin x Bayern de Munique

Vidal foi o autor de um dos gols da vitória do Bayern de Munique, neste sábado (Foto: AFP)

LANCE!
23/04/2016
12:33

Líder do Campeonato Alemão, o Bayern de Munique entrou em campo buscando a vitória e de olho na partida entre Stuttgart e Borussia Dortmund, uma vez que poderia garantir o título de forma antecipada. O Bayern até fez a parte dele e venceu o Hertha Berlim por 2 a 0, com gols de Vidal e Douglas Costa, mas o Dortmund derrotou o Stuttgart por 3 a 0 e evitou que o rival celebrasse a taça.

Com o resultado, o Bayern chegou aos 81 pontos, enquanto o Hertha permaneceu com 49, perdendo a chance de encostar no Bayer Leverkusen na briga por uma vaga na fase de grupo da Liga dos Campeões. Na próxima rodada, o Bayern encara o Borussia Mönchengladbach, que ainda sonha com uma vaga na Liga dos Campeões. Já o Hertha Berlim, tem pela frente o Bayer Leverkusen.

Bayern e Hertha fizeram um primeiro digno de G4. No primeiro tempo, o time de Pep Guardiola conseguia manter a posse de bola e trocar os passes que já são característicos, mas o Hertha conseguia fazer uma boa marcação e, em certos momentos, assustava o adversário. Com este equilíbrio, o placar não foi modificado na etapa inicial.

A história, porém, não demorou a mudar. Logo aos dois minutos do segundo tempo, Vidal aproveitou passe e, de fora da área, acertou um chute de primeira, abrindo o placar. Mesmo com o placar simples, o gol parece ter jogado um balde de água fria no Hertha, que não apontava o mesmo ímpeto do primeiro tempo e passou a assistir os adversários a tocarem a bola.

Um momento que fez os torcedores do Hertha ficarem apreensivos foi quando o goleiro Kraft dominou de cabeça, no limite da área, driblou Lewandowski e chegou à intermediária, quase perdendo a bola para Vidal.

Quando tudo parecia encaminhar para uma vitória magra, Douglas Costa dominou, cortou para o meio e, de fora da área, acertou um belo chute, mandando no ângulo direito do goleiro Kraft. Ao apito final, os aplausos dos torcedores e a expectativa de conseguir celebrar o título na próxima rodada.

DORTMUND VENCE

Além de vencer o Stuttgart, a vitória do Dortmund significou adiar a comemoração do rival Bayern. E a equipe do técnico Thomas Tuchel não chegou nem a dar esperanças ao Stuttgart e ao Bayern. Ainda no primeiro tempo, abriu uma vantagem de dois gols e, na etapa final, fechou o triunfo em 3 a 0, com gols de Kagawa, Pulisic e Mkhitaryan.

Na próxima rodada, o Dortmund pega o Wolfsburg, enquanto o Stuttgart encara o Werder Bremen, que luta contra o rebaixamento.

Apesar das diferenças na tabela, uma vez que o Stuttgart briga para se afastar da zona de rebaixamento, o Dortmund não teve uma vida muito fácil no começo do jogo. Com o tempo, porém, foi tendo mais iniciativa e conseguiu abrir o placar com Kagawa, que aproveitou bom passe de Mkhitaryan. Após o gol, o Stuttgart ainda tentou uma reação, até por atuar em casa, mas quem conseguiu balançar a rede antes do fim do primeiro tempo foi novamente do Dortmund. Pulisic, no último minuto, aumentou a vantagem e frustou os torcedores do Bayern que esperavam celebrar o tetra.

Na volta para o segundo tempo, o Dortmund não demorou a ampliar a vantagem. Logo aos 10 minutos, Mkhitaryan bateu no lado esquerdo do goleiro, não dando chances de defesa.

Com a vitória encaminhada, bastou controlar a partida para garantir os três pontos.