Hummels - Bayern de Munique

Hummels é acusado de conspirar contra o técnico Carlo Ancelotti (Foto: Franck Fife / AFP)

LANCE!
04/10/2017
16:55
Munique (ALE)

O Bayern de Munique demitiu na última semana o técnico Carlo Ancelotti. Quem surge como uma opção para suceder o italiano é Jürgen Klopp, atualmente à frente do Liverpool. E sobre o treinador alemão, ninguém melhor para falar do que o zagueiro Mats Hummels.

O defensor trabalhou com o treinador por sete anos no Borussia Dortmund. Essa proximidade com Klopp fez os dirigentes do Bayern convocarem o Hummels para uma reunião para se pronunciar sobre o técnico dos Reds.

- O clube falou comigo, perguntou-me algumas coisas e apenas dei a minha opinião. Mas não sei se Klopp é o candidato mais forte para o cargo, ou se há um ou dois candidatos. Não faço ideia. Vou continuar tão curioso como todos vocês, lendo os jornais à espera do que vai acontecer - disse o zagueiro, em entrevista coletiva:

Carlo Ancelotti - Bayern
Ancelotti caiu após derrota para o PSG por 3 a o (Foto: AFP)

- Sigo-o de perto porque foi meu treinador no Dortmund durante sete anos. Fiquei feliz quando as coisas começaram bem mas, neste momento, está complicado para ele e para o Liverpool. Mas ele e a equipe vão sair desta situação.

Hummels foi apontado pela imprensa alemã como um dos cinco jogadores que forçaram a saída de Ancelotti do clube. O zagueiro recusou ter participado da fritura ao treinador, que o deixou no banco na derrota do Bayern de Munique por 3 a 0 para o PSG, pela segunda rodada da Liga dos Campeões.

O Liverpool não começou bem a temporada europeia. A equipe ocupa a sétima colocação do Campeonato Inglês, com 12 pontos, sete a menos que os líderes Manchester City e Manchester United. Na Liga dos Campeões, foram dois empates em dois jogos na fase de grupos.