LANCE!
05/05/2016
11:55

Eliminado da Liga dos Campeões nas semifinais pelo Real Madrid, o Manchester City volta suas atenções para o fim do Campeonato Inglês. Em quarto lugar e com a mão na vaga na próxima edição da competição continental, a equipe tem mais dois jogos para se despedir da temporada. Manuel Pellegrini passará o bastão a Pep Guardiola, que deve fazer uma revolução no elenco. Segundo o jornal "Sport", pelo menos dez jogadores devem deixar o Etihad após a chegada do treinador.

A mudança no elenco vai começar por Yaya Touré, que não tem boa relação com Guardiola desde a época do Barcelona. Foi o treinador que vendeu o marfinense para o próprio Manchester City. Outro que pode não permanecer, segundo o jornal espanhol, é o brasileiro Fernando. A publicação diz que o volante, que custou 16 milhões de euros (R$ 65 milhões) aos Citizens, 'se confirmou como um autêntico fiasco'.

Outros que estariam com os dias contados no Manchester City são Demichelis, Clichy, Sagna, Caballlero, Nasri, Kolarov, Wright e Zabaleta.

Essa pode ser uma forma de Guardiola moldar o elenco conforme suas características, com jogadores a sua feição. Quando assumiu o Barcelona em 2008, o técnico fez uma verdadeira revolução e anunciou que não contaria com três das principais estrelas da companhia: Ronaldinho Gaúcho, Deco e Eto'o. O camaronês, no entanto, ainda ficaria uma temporada a mais no clube. Mas os brasileiros saíram, o que, na época, ficou configurado como uma 'loucura' do comandante. Mas os resultados expressivos mostraram que ele não estava errado.

Ronaldinho Gaúcho pelo Barcelona
Ronaldinho Gaúcho pelo Barcelona (Foto: Javier Soriano)

O Manchester City foi eliminado nesta quarta-feira pelo Real Madrid ao perder por 1 a 0, na capital espanhola, após empate em 0 a 0 na Inglaterra. Pep Guardiola também não teve êxito nas semifinais. O Bayern de Munique, atual clube do treinador, caiu diante do Atlético de Madrid, mesmo vencendo na Alemanha por 2 a 1. Na ida, vitória colchonera por 1 a 0.