Aurier

Aurier é acusado de agredir um policial (Foto: PATRICK KOVARIK / AFP)

RADAR/LANCE!
22/11/2016
13:37
Londres (ING)

Ao aterrissar na Inglaterra para o confronto diante do Arsenal, pela Liga dos Campeões, o Paris Saint-Germain teve uma desagradável surpresa. Com um caso pendente no tribunal local desde setembro, Aurier foi proibido de entrar na Inglaterra pela falta de visto necessário.

Logo em seguida, o clube francês emitiu uma nota "abominando" a decisão das autoridades britânicas. No comunicado, o PSG afirma ainda que procurou uma solução na última semana para conseguir a liberação. Sem sucesso.

- O clube abomina que a decisão final das autoridades britânicas foi comunicada apenas na tarde desta terça-feira, embora o clube tenha trabalhado nos últimos seis dias para achar uma solução que viabilizasse nosso jogador a viajar com seus companheiros para Londres. O Paris Saint-Germain considera a resposta extremamente tardia como uma falta de respeito ao clube, dado que este jogador poderia estar treinando com seus jogadores algumas horas depois - diz a nota do PSG.

Aurier é acusado de ter agredido um policial francês na saída de uma discoteca, em maio. Inicialmente, o lateral-direito foi condenado a dois meses de prisão com pena suspensa, tendo recorrido da decisão.

O defensor será ausência da partida entre Arsenal e PSG, que será realizada nesta quarta-feira, pela quinta rodada do Grupo A da Champions. Ambas as equipes possuem dez pontos, mas os ingleses estão na ponta pelo quesito saldo de gols.