Bruno Grossi
19/05/2016
00:02
Belo Horizonte (MG) 

O São Paulo perdeu por 2 a 1 para o Atlético-MG, na Arena Independência, e está nas semifinais da Copa Libertadores. O gol que deu a vaga - o time havia vencido por 1 a 0, no Morumbi - foi do zagueiro Maicon, que ficou com a maior nota da partida. Do lado atleticano, o destaque foi Cazares, que deu muito trabalho à marcação tricolor e deixou o seu na rede. Confira as notas: 

ATLÉTICO-MG

4,5
Victor
Saídas incertas do gol durante todo o jogo, incluindo o lance do gol de Maicon no primeiro  tempo.

5,0
Marcos Rocha
Discretíssimo no ataque e com dificuldades para marcar. Muito longe do que se espera.

4,5
Léo Silva
Mais um jogo lamentável na postura. Muitas faltas e lances desleais, sempre em Calleri.

5,5
Erazo
Jogo de sustos, mas de muito mais lealdade do que o do companheiro de defesa.

6,5
Douglas Santos
Razoável na marcação e bem no ataque, com assistência para Carlos marcar de cabeça.

3,5
Leandro Donizete
Os erros de passe ficam em segundo plano diante das vezes em que bateu, bateu... Acabou expulso.

5,5
Eduardo
Não se intimidou e saiu bastante para jogar. É limitado, mas com margem para evoluir com Aguirre.

7,0
Cazares
Incansável, infernizou os volantes do São Paulo ao se movimentar o jogo todo. Coroado com gol.

6,5
Carlos
Enquanto aguentou jogar, foi um dos melhores do Galo. Gol de oportunismo e muita entrega.

4,5
Patric
Correu e nada mais. Bola queimou para dominar e ainda se mostrou desatento em vários lances.

6,5
Pratto
A briga costumeira foi mantida. Com o meio inoperante, saiu para armar e deu trabalho aos zagueiros.

5,5
Carlos Eduardo
Parecia que mudaria o jogo com habilidade e bons passes, mas depois sumiu completamente.

4,5
Clayton
Teve a chance de ouro para dar a classificação para o Galo, mas chutou sem olhar e perdeu.

4,5
Dátolo
Era a esperança da torcida, mas errou absolutamente tudo o que tentou. Fora de sintonia.

5,0
Diego Aguirre
Conseguiu colocar um time inflamado para abafar no início do jogo, mas não soube manter.

Atlético-MG x São Paulo
Ganso comemora com Maicon (Foto: DOUGLAS MAGNO/AFP)

SÃO PAULO

6,5
Denis
Apesar dos sustos, fez defesas importantes quando nem os tricolores acreditavam.

6,0
Bruno
Grande Libertadores do lateral que chegou a ficar ameaçado por Caramelo no início da temporada.

7,5
Maicon
Caminha a passos largos para se tornar ídolo do São Paulo. Agora é buscar a renovação de contrato.

4,5
Rodrigo Caio
Erro muito grave no segundo gol atleticano. Depois, cresceu, mas a falha quase causou a eliminação.

6,5
Mena
Mais uma bela atuação do chileno. Parte para a Copa América com bastante moral com a torcida.

6,5
Hudson
Outro que faz campanha excelente. Muita marcação e força para ajudar a dupla de zaga.

6,5
Thiago Mendes
Recuperou a boa fase com firmeza na marcação e dinâmica para trabalhar a bola no meio.

6,5
PH Ganso
Frieza para ditar o ritmo da partida e deixar o Galo perdido no meio. Faltou matar com gol.

6,5
Kelvin
Mais uma assistência decisiva fora de casa na Libertadores. Fôlego incrível. Achado de Bauza.

5,5
Michel Bastos
Poderia ter sido mais participativo, já que é um dos mais experientes e vinha em boa fase.

6,5
Calleri
Sangue frio para aguentar as agressões de Léo Silva e pulmão para marcar a saída de bola.

6,5
Wesley
É o 12º jogador de Bauza e uma peça fundamental para manter os nervos do time no lugar.

6,5
Matheus Reis
Garoto entrou na fogueira em seu segundo jogo no ano. Engoliu Marcos Rocha e foi muito bem.

6,5
Alan Kardec
Até ele, tão criticado pela falta de fibra no ano, brigou por todos os lances até o último momento.

7,5
Edgardo Bauza
Seu estilo pode não agradar pela plasticidade, mas é de uma eficiência impressionante.