Saúl Ñíguez e Alexis - Atlético de Madrid x Alavés

Saúl tenta levar o Atlético de Madrid ao ataque (Foto: PIERRE-PHILIPPE MARCOU / AFP)

LANCE!
21/08/2016
19:18
Madri (ESP)

O Atlético de Madrid frustrou os milhares de torcedores que compareceram ao Vicente Calderón neste domingo. Em sua estreia no Campeonato Espanhol, a equipe empatou em 1 a 1 com o Alavés, levando um gol aos 49 do segundo tempo. O Colchonero também havia marcado nos acréscimos, com o estreante Kevin Gameiro, de pênalti.

Na próxima rodada, o Atlético de Madrid visita o Leganés, no Estádio Municipal de Butarque. Já o Alavés recebe o Sporting Gijón.

O Atlético de Madrid sobrou durante toda a partida. A equipe da capital espanhola desperdiçou um caminhão de gols e não conseguiu sair vencedora, por falha do setor ofensivo. O técnico Diego Simeone sentiu a falta do artilheiro Griezmann, que foi desfalque.

No segundo tempo, o domínio foi ainda maior. O Colchonero esteve com praticamente todos os jogadores no campo do Alavés. Simeone colocou Fernando Torres na vaga de Ferreira-Carrasco e o time melhor. O 'El Niño' deu maior movimentação na frente, perdeu um gol na cara do goleiro Pacheco e mandou uma na trave.

Nos acréscimos, Torres recebeu lançamento e foi derrubado na área. Pênalti bem cobrado por Gameiro, um dos estreantes da noite, assim como Gaitán. Depois do gol, o Atlético imaginou que o jogo estava ganho. Assim, os deuses do futebol puniram o Colchonero, quando Manu García arriscou de longe e acertou o canto de Oblak.