Hull City x Leicester

Vardy lamenta chance perdida na derrota do Leicester para o Hull City na primeira rodada da Premier League 
(Foto:LINDSEY PARNABY/AFP/Lancepress!)

Melissa Gargalis
14/08/2016
08:00
São Paulo (SP)

Após a conquista do título inglês, o Leicester iniciou sua jornada na atual temporada da Premier League sendo um dos protagonistas. No entanto, longe da boa forma, os Foxes abriram a competição com uma derrota. Neste último sábado, o grupo comandado por Claudio Ranieiri perdeu por 2 a 1 para o Hull City, fora de casa. Entretanto, o resultado não pode ser creditado como uma tragédia, afinal, foi apenas a primeira rodada. Apesar disso, foi notável a decepção do torcedor que viajou pouco menos de 200km até o KCOM Stadium.

- Tem torcedores que pensam que por conta do título do inglês, o time vai ter o mesmo rendimento e pode até ganhar a Champions League. Será difícil, um dos maiores desafios será saber lidar com essa alta expectativa da torcida - disse Chris Forryan, torcedor do Leicester, em entrevista ao LANCE!

Aos 55 anos, o inglês acompanha o clube desde pequeno. Torcedor fanático, ele é também o criador de um dos maiores sites sobre o Leicester: o Leicester Till I Die (Leicester até a morte, em português). Perguntado se considera a atual equipe como a melhor de todos os tempos, Forryan titubeia e coloca os ídolos do passado como os grandes heróis, antes de ressaltar a conquista dos comandados de Ranieri na última temporada.

- Tenho muitos ídolos, mas Keith Weller é o maior de todos. Também gosto de Lenny Glover. Morei perto dele e levava seus cachorros para passear. Ainda, estudei com Gary Lineker e me tornei amigo próximo de Alan Young. São meus maiores ídolos. Não pude vê-los vencer o Campeonato Inglês, mas o título veio e foi um sonho. Não há outra forma de descrever a última temporada. Eu nunca pensei que um dia conseguiria assistir e vivenciar tal conquista - contou.

Para o jornalista britânico Daniel Harris, do The Guardian, as expectativas dos torcedores são apenas um dos problemas que terá o Leicester neste ano. Agora, com o time classificado para a Champions League e com os adversários, em teoria, mais fortes, a continuidade do sonho se torna algo distante para os Foxes.

- Com outros clubes trazendo grandes atacantes e treinadores, um dos maiores desafios será manter a consistência defensiva que apresentou na última temporada. Outro fator será a disputa de uma competição europeia. O Leicester nunca participou da Champions, que é um torneio que reúne os times de mais alto nível do futebol mundial. Ranieri e seus homens já fizeram algo incrível por chegar a este patamar, mas uma vez que você conquista o direito de participar da Champions League, a preocupação seguinte é o que fazer para ir bem nos jogos - disse, acrescentando:

- No Inglês, é improvável que eles sejam campeões novamente, mas não dá para dizer que será impossível. Nada é impossível, no entanto, as coisas ficaram bem mais difíceis, as circunstâncias mudaram completamente - finalizou Harris.

Quem são os jogadores citados por Chris Forryan?

Keith Weller - Foi um atacante inglês considerado por muitos torcedores do Leicester como o maior de todos que já passaram pelo clube. Weller defendeu a equipe dos Foxes entre os anos de 1971 e 1979.

Lenny Glover - Meia inglês. Atuou pelo Leicester entre os anos de 1967 e 1976.
Na época de sua contratação, foi considerado o jogador mais caro no futebol inglês. Ele chegou ao clube por £80 mil, a pedido do técnico Matt Gillies.

Gary Lineker - Atacante foi revelado pela base do Leicester. Como profissional, jogou pelo clube entre os anos 1978 e 1985. Atualmente é comentarista esportivo da BBC.

Alan Young -
Escocês jogou como atacante do Leicester entre os anos de 1979 e 1982. Entrou em campo 104 vezes com a camisa dos Foxes e marcou 26 gols.