Wendell Lira

Wendell Lira está na disputa pelo Prêmio Puskás (Foto: Divulgação/Goianésia)

RADAR/LANCE!
11/01/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

As atenções em Zurique, na Suíça, estarão voltadas principalmente para o vencedor da Bola de Ouro da Fifa em 2015. No entanto, não é apenas o prêmio de melhor jogador do último ano que será anunciado na cerimônia. E Neymar também não é o único brasileiro que pode sair da noite com um prêmio.

Wendell Lira é um dos finalista ao Prêmio Puskas, que aponta o gol mais bonito do ano de 2015. Mas o jogador, que concorre pelo lance na época que defendia o Goianéias (atualmente defende o Vila Nova), terá uma parada dura pela frente. Mas ele concorre com Lionel Messi e sua pintura diante do
Athletic Bilbao, na final da Copa do Rei, e Alessandro Fiorenzi, que fez de cobertura pela Roma contra o Barcelona. Vale lembrar que Neymar, quando atuava pelo Santos, já conquistou a honraria.

Outro prêmio da noite é o de melhor técnico. Campeão de quase tudo pelo Barcelona em 2015, Luis Enrique entra como favorito para levar como melhor técnico da temporada passada. No entanto, ele disputará o prêmio com Pep Guardiola, do Bayern de Munique, e Jorge Sampaoli, do Chile. Lucho conquistou cinco títulos, entre eles a Champions. Pep faturou o Alemão e Sampaoli, a Copa América.

Assim como nos homens, a Fifa também escolhe a Melhor Jogadora do Mundo em 2015. A americana Carli Lloyd, a japonesa Aya Miyama e alemã Célia Sasic são as concorrentes ao prêmio. Lloyd é a favorita após conquistar o título da Copa do Mundo pelos Estados Unidos sobre o Japão, por 5 a 2, tendo marcado três gols na decisão. A norte-americana é a camisa 10 do Houston Dash.