Agüero - Sunderland x Manchester City

Agüero fez o seu 13º gol na Premier League contra o Sunderland (Foto: Oli Scarff / AFP)

LANCE!
02/02/2016
19:41
Londres (ING)

Sergio Agüero voltou a decidir para o Manchester City. O atacante fez o único gol da equipe na vitória fora de casa sobre o Sunderland, fora de casa, por 1 a 0. Em outro jogo que envolve um time que briga pelo título, o Arsenal ficou no empate em 0 a 0 com o Southampton, em Londres.

Com o resultado, os Citizens chegam a 47 e seguem a três pontos do Leicester, que venceu em casa o Liverpool por 2 a 0, com dois gols de Vardy - sendo um deles uma pintura, digna de placa. Os Gunners, por sua vez, dão uma distanciada da liderança e ficam com 45.

Na próxima rodada, um jogão. O Manchester City recebe no Etihad o Leicester, em partida que vale a ponta do Inglês. O Arsenal, por sua vez, visita o Bournemouth.

O City começou melhor a partida e fez logo 1 a 0 aos 15 minutos. O espanhol Jesús Navas cruzou da direita e a bola sobrou limpa para Agüero marcar. No lance, o argentino sofreu entrada de Billy Jones e ficou sentindo. As travas da chuteira do zagueiro ficaram marcadas na panturrilha do atacante.

Agüero ficou em campo e seguia endiabrado. Ele foi responsável por outra chance boa de gol do City. Mas a bola caprichosamente tirou tinta do travessão. Os Citizens seguiram melhor em campo, mas por pouco não foram castigados no fim da primeira etapa. Hart salvou bola de Defoe no canto, mas o rebote ficou com Billy Jones, que na pequena área acertou na trave.

No segundo tempo, o duelo seguiu bastante equilibrado e sem mais chances claras de gol. O City conseguiu bloquear os avanços do Sunderland e sair com a vitória fora de casa.

ARSENAL TROPEÇA EM CASA

Jogando no Emirates, o Arsenal esbarrou na boa atuação de Forster. O goleiro foi o melhor em campo pelo Southampton e parou o ataque dos Gunners em diversas oportunidades, fechando o gol e garantindo o 0 a 0.

No primeiro tempo, ele fez linda defesa após chute de Özil. O alemão teve outra chance após cruzamento de Bellerin, que Giroud desviou e sobrou para o meia. Mas Forster estava lá, impedindo o gol do Arsenal.

Özil para em Forster - Arsenal x Southampton
Forster para cabeçada de Özil (Foto: Ikimages / AFP)

Mas o Southampton não ficava só atrás e teve boas chances de abrir o placar ainda mesmo no primeiro tempo. Mané, Long e Romeu chegaram bem, mas não foram eficazes na conclusão.

Na segunda etapa, o Arsenal foi todo pressão. E Forster seguiu sendo destaque. Logo aos dois minutos, Giroud pegou sobra na meia-lua e chutou colocado, mas o goleiro voou para fazer excelente defesa, de mão trocada.

Alexis Sánchez - Arsenal x Southampton
Sánchez lamenta outra chance perdida (Foto: Justin Tallis / AFP)

Os Gunners seguiram em cima e chegavam a todo momento com perigo. Giroud teve outras chances, mas ou era travado pela defesa, ou Forster estava lá, fechando o gol. Em outro lance elástico, o arqueiro pegou dois arremates seguidos de Walcott.

Com praticamente todos os homens no ataque, o Arsenal seguia pressionando. Sánchez quase marcou, a bola passou por Forster, mas Prowse tirou em cima da linha. O goleirão ainda teve tempo para pegar uma outra bola do chileno.