Wellington Silva - Fluminense

Perto de completar 100 jogos pelo Flu, Wellington Silva conversou com o LANCE! (Foto:Paulo Sergio/Lancepress!)

Matheus Dantas
29/06/2016
13:30
Rio de Janeiro (RJ)

Na nona posição da tabea, o Fluminense, com 16 pontos,  está apenas a três do Corinthians, primeiro time dentro do G4  do Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira, o time de Levir Culpi enfrenta o São Paulo no Morumbi e pode diminuir ainda mais esta diferença. O pensamento nas Laranjeiras é de entrar na zona de classificação para a Libertadores de 2016 e depois traçar planos maiores, afirmou o lateral-direito Wellington Silva ao LANCE!.

- Nosso pensamento é esse: entrar no G4 para depois brigar pela liderança. Só ficando nesse grupo dos primeiros colocados você consegue focar em buscar o título. Primeiro o G4, depois vamos pensar em buscar algo maior no Brasileiro.

Na partida em que completará 100 atuações com a camisa do Fluminense, Wellington Silva poderá ajudar Levir Culpi a conseguir a primeira sequência de vitórias no Campeonato Brasileiro, já que vem da vitória sobre o Flamengo por 2 a 1 no último domingo, na Arena das Dunas, em Natal.

Para o lateral-direito, a dificuldade do Flu em embalar uma sequência positiva no Brasileirão está relacionado ao equilíbrio do campeonato. Apontando os elencos de Palmeiras e Atlético-MG como os mais fortes, Wellington Silva afirma que nenhuma equipe está se destacando pelo futebol em campo.

- Eu acredito que esse ano vai ser um dos campeonatos mais equilibrados, vendo os elencos dos nossos adversários. Pode pegar um jogo do último contra o primeiro colocado que o jogo vai ser difícil. É o que temos enfrentado até agora - declarou ao LANCE! antes de completar:

- Vejo muitas equipes com chances de ser campeão neste momento. Ainda é cedo, mas pelo elenco, acho que o Palmeiras e o Atlético-MG estão um pouco a frente dos demais. Mas, dentro de campo, pelo futebol apresentado, não vejo ninguém se destacando muito.

Nesta quarta-feira, Wellington Silva atuará na sua posição de origem, a lateral-direita. O técnico Levir Culpi não relacionou Jonathan, que vinha sendo o titular da função, e deslocou W. Silva da improvisação da esquerda para a direita.

O adversário é o São Paulo, que, com a cabeça na semifinal da Libertadores, atuará com uma equipe alternativa diante do Fluminense no Morumbi. A escolha do técnico Bauza não vai alterar a postura do Tricolor, que já está acostumado a atuar fora de casa nesta temporada.

- Eu até brinco, falo que nesse ano, por causa das Olimpíadas, não temos casa, todo jogo é fora. É uma situação diferente, mas que estava prevista e temos que superar. Respeitamos o São Paulo, está na semifinal da Libertadores e vai entrar com um time forte. Mas vamos entrar no Morumbi buscando vencer e precisamos conquistar os três pontos para ficarmos mais próximos do G4.