Diego Souza treina com o elenco do Flu (Foto:Nelson Perez/Flu)

Diego Souza treina com o elenco do Flu (Foto:Nelson Perez/Flu)

Bernardo Cruz e Pedro Barboza
08/01/2016
08:53
Rio de Janeiro (RJ)

Mais-valia: expressão do âmbito da economia, criada pelo revolucionário socialista Karl Marx para destacar o período de trabalho não remunerado pelo empregador a um trabalhador. Um ganho à empresa – no caso, o Fluminense. É assim que o retorno do experiente meia Diego Souza, de 30 anos, foi definido por Abel Braga, ex-técnico do Tricolor em 2005, na primeira passagem do jogador à equipe das Laranjeiras.

Abelão destacou algumas características daquele que foi um de seus comandados no título do Estadual de 2005 para que a chegada do atleta seja um enorme ganho para o Flu neste ano.

– É um jogador, hoje, que tem uma liderança muito grande em campo, muito bom jogador tecnicamente, fisicamente... é muito forte, sabe a hora de cadenciar o jogo, a hora de acelerar, jogar dentro e fora de casa,  independentemente do adversário. É um atleta bem interessante que com certeza trará uma mais-valia ao Fluminense neste ano – enalteceu o técnico, que acreditava em um crescimento ainda maior de Diego Souza caso ele seguisse atuando como segundo volante, posição de origem:

– Diego é um grande jogador, sempre foi um excelente jogador. Apesar de que comigo jogava como segundo volante. Acho, que apesar do sucesso na carreira, se continuasse na função de segundo volante, ele poderia ter ido muito mais longe.

O jogador se juntou ao elenco em Orlando, nos Estados Unidos e já fez as primeiras atividades sob os comandos de Eduardo Baptista, na pré-temporada. O meia é uma das principais contratações do Tricolor para o ano de 2016.