Gustavo Scarpa - Fluminense treinando com a nova camisa

Meio-campista tem convivido com as dores no pé esquerdo (Foto: Paulo Sérgio/Lancepress!)

LANCE!
30/06/2016
17:57
Rio de Janeiro (RJ)

Com atraso por conta da neblina, a delegação do Fluminense chegou ao Rio de Janeiro no fim da tarde desta quinta-feira, após a derrota para o São Paulo. O meia Gustavo Scarpa foi quem conversou com a imprensa no aeroporto Santos Dumont e admitiu que tem jogado com dores no pé esquerdo.

- Está doendo mesmo, mas não é algo que vai me impossibilitar de jogar, não vai me tirar de jogos. Hoje em dia, dificilmente algum jogador atua sem dor. Futebol de alto nível é assim - comentou o camisa 40 do Tricolor.

O clássico contra o Botafogo, no dia 29 de maio, foi a "origem" das dores de Gustavo Scarpa, que sofreu um pisão no pé esquerdo naquela oportunidade. Aos 22 anos, o meia se coloca à disposição de Levir Culpi desde então, e não quer que as dores sejam usadas como desculpas para a oscilação em campo.

- Vou continuar dando meu máximo e enquanto eu tiver condições eu vou estar à disposição do Levir. Ele sabe que pode contar comigo. Não há necessidade de parar. Estou com dor, mas é algo que consigo levar - afirmou Scarpa.

Nesta sexta-feira, pela manhã,  o Fluminense volta a treinar na sede das Laranjeiras. Depois já viaja para Volta Reonda, local do jogo de sábado diante do Coritiba, às 16h, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.