Douglas

Douglas quer fazer história no Fluminense (Foto: Divulgação;Fluminense)

Matheus Babo
18/05/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Nos últimos anos, o Fluminense sempre se vangloriou por ser um clube formador. As categorias de base do clube, que tem o centro de treinamento em Xerém, vem cedendo muitos jogadores a equipe profissional e do time principal, grande parte deles segue para o exterior. Uma das grandes promessas do atual elenco é o volante Douglas, que subiu após se destacar no título do Campeonato Brasileiro Sub-20, em 2015. Com apenas 19 anos, o jogador tem o sonho de primeiro marcar seu nome na história do clube para depois sonhar com uma transferência para fora do país.

No fim do ano passado, Douglas já recebeu a primeira proposta oficial do exterior. O PSV, da Holanda, buscou o jogador, mas o Fluminense negou a oferta.

- Todo jogador sonha em jogar num grande clube da Europa. Mas eu ainda pretendo ficar muito tempo no Fluminense, ganhar títulos e marcar meu nome na história. Desde a base que eu devo muito ao clube por ter me ajudado a crescer profissionalmente e como ser humano - disse Douglas, em papo com o LANCE!

Servindo a Seleção Brasileira Sub-20, que disputará o Torneio de Suwon, na Coreia do Sul, Douglas sonha em brilhar com a amarelinha em terras asiáticas para quem sabe, poder ter uma oportunidade nas Olimpíadas do Rio, que será disputada em agosto.

- Estamos treinando firme para poder chegar no torneio e representar bem o Brasil. Sabemos da importância de irmos bem pois é, também, uma preparação para o Sul-Americano e para o Mundial da nossa categoria. Olha, um passo de cada vez. Se eu for bem na sub-20, posso ir para a olímpica, para a principal.. Espero chegar na Coréia e ganhar esse título - explica.

Confira outros trechos da entrevista:

Você vem ganhando mais espaço no Fluminense nesta temporada, conquistou seu primeiro título como profissional e está na Seleção Sub-20. Este pode ser considerado o melhor ano da sua carreira?
Douglas: O ano passado também foi muito bom, pois conquistei o Brasileiro sub-20 com o Fluminense e consegui chegar ao profissional do clube. Mas esse ano realmente está sendo especial. Estou tendo chances com o Levir, conquistamos a Primeira Liga e agora recebi a oportunidade na Seleção.

Como está sendo a preparação para o Torneio de Suwon, com a Seleção Brasileira Sub-20? Você sonha em disputar as Olimpíadas neste ano?

Douglas: Estamos treinando firme para poder chegar no torneio e representar bem o Brasil. Sabemos da importância de irmos bem pois é, também, uma preparação para o Sul-Americano e para o Mundial da nossa categoria. Olha, um passo de cada vez. Se eu for bem na sub20, posso ir para a olímpica, para a principal.. Espero chegar na Coréia e ganhar esse título.

A sua geração foi muito vitoriosa nas categorias de base e agora está com muitos nomes no profissional (Danielzinho, Nogueira, Matheus Pato), além de outros que também foram criados em Xerém (Gerson, Scarpa, Marlon). Você acha que estes jogadores podem ajudar o Fluminense a conquistar títulos também na categoria principal?

Douglas: Sem dúvidas. Todos sabemos do investimento que é feito pelo Fluminense em Xerém. Crescemos lá e nos acostumamos a ganhar títulos nas divisões de base. Alguns que ganharam o título do Brasileiro sub20 do ano passado já estavam na conquista da Primeira Liga. É sempre bom mesclar a juventude com a experiência. Podemos alcançar vôos muito altos ainda.

Qual é o seu grande objetivo para esta temporada?

Douglas: No momento, meu objetivo é dar o meu melhor aqui na Seleção e ganhar o torneio na Coréia. Depois, voltar ao Fluminense e me dedicar como sempre fiz, buscando ajudar o time a conquistar os títulos que disputaremos. Sei que se eu fizer um bom trabalho no clube, as portas da seleção vão se abrir de novo para mim.

Como é a sua relação com o técnico Levir Culpi? E como é jogar com jogadores consagrados (Fred, Ronaldinho no ano passado, Cícero, Cavalieri)?

Douglas: O Levir é uma ótima pessoa é um excelente treinador. Desde que chegou buscou a evolução do time e o resultado foi um título nacional ainda no início do ano. Ele está sempre buscando tirar o melhor de cada um em prol do Fluminense. Rapaz, é uma honra! A gente via esses caras pela televisão e sempre sonhávamos em poder desfrutar de jogar junto deles. Aprendemos muito com eles, pois todo dia eles nos passam alguma coisa nova, alguma dica, posicionamento.. Com certeza nos ajudam muito a crescer profissionalmente.

Até onde o Fluminense pode chegar nesta temporada? Você acredita no título brasileiro?

Douglas: Um clube com o tamanho do Fluminense tem sempre que brigar na parte de cima da tabela. Nós entramos para ganhar o título em todos os campeonatos que disputamos. Começamos a temporada com um título nacional e vamos em busca de mais. Sabemos da dificuldade do Brasileiro pelo nivelamento dos clubes, mas nosso pensamento é totalmente virado para o título.