Romerito

ídolo do Fluminense, Romerito é figura presente nas Laranjeiras (Foto: Nelson Perez/AscomFFC)

Matheus Dantas
10/10/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Inaugurado no dia 11 de maio de 1919, o Estádio das Laranjeiras seguirá sendo a casa do Fluminense. Por lá passaram Washington, Assis, Rivelino, Preguinho, Telê Santana... No entanto, os próprios ídolos atestam que a construção de um novo Centro de Treinamento é um grande salto de qualidade para o clube.

Ao LANCE!, o ex-atacante Romerito destacou os ganhos do Fluminense com o elenco principal treinando no moderno complexo esportivo, o qual Romerito esteve presente na inauguração simbólica no dia 21 de julho deste ano, data em que o Tricolor das Laranjeiras completou 114 anos de existência.

- Com o CT, os jogadores ficarão mais juntos, mais amigos. Isso é muito bom para o clube dentro de campo. O CT é maravilhoso, e o Flu tem um futuro promissor pela frente - afirmou o autor do gol do título brasileiro em 1984.

Romerito também destacou a privacidade que o elenco terá no novo CT.

- É importante treinar com mais tranquilidade, sem muita gente vendo os treinos. O jogador e os técnicos ficam mais confortáveis. Em jogos específicos, antes de uma final, um jogo decisivo, você pode abrir o treino para a torcida, mas todos os dias acho que atrapalha um pouco - analisou o ídolo tricolor.

Confira o que outros ídolos tricolores falaram sobre o novo CT:

Thiago Silva, zagueiro do PSG e da Seleção Brasileira:

- Tenho que dar os parabéns para todos os envolvidos, que aproveitem bastante isso aqui. Traz jogador, traz gente grande para cá. A estrutura é fantástica e sei que o Fluminense vai aproveitar muito bem.

Carlos Alberto Parreira, ex-treinador do Flu e da Seleção Brasileira: 


- Fiquei realmente emocionado. É um sonho acalentado de quarenta anos atrás. Quando estive no Fluminense na década de 1970 já se falava na construção de um CT e ninguém dava o primeiro passo. O grande mérito do presidente Peter foi ter dado este passo. Ele sentiu a importância de o clube ter o próprio local de trabalho. Poucos clubes têm CT e o Flu agora entra nessa categoria dos clubes com um baita, super CT. Tive o privilégio de viajar pelo mundo, conhecer centros de treinamentos de grandes clubes como Barcelona, Real Madrid, Manchester United e este aqui não deverá nada a ninguém. Nós entramos no primeiro mundo, um passo gigantesco para o futuro. Isso aqui (CT), como o Thiago Silva falou, chama jogador. Achei sensacional porque é isso mesmo. Um Centro de Treinamento desse nível chama jogador. Um cara vê uma estrutura dessas e vem trabalhar com o maior prazer. Com a tradição do Fluminense agora não vai faltar mais nada.