Levir Culpi orienta o elenco no treino desta sexta-feira (Nelson Perez/Fluminense F.C.)

Levir Culpi não deu indícios da equipe que pretende mandar a campo (Nelson Perez/Fluminense F.C.)

Matheus Dantas
14/09/2016
17:35
Rio de Janeiro (RJ)

O Fluminense fez seu último treino visando o jogo contra a Chapecoense, nesta quinta-feira, e a escalação segue como um mistério. Nas Laranjeiras, o técnico Levir Culpi apenas observou o rachão e não deu dicas de quem iniciará a partida no Giulite Coutinho, às 19h30.

O único setor definido é a defesa. Com Pierre retornando de suspensão, Levir pode optar pelo experiente volante, dando mais liberdade a Douglas e Cícero. Marquinho e Edson também são opções para formar o meio, que ainda conta com o titular Scarpa.

No ataque o Fluminense não terá o suspenso Wellington. Como vem alterando o setor jogo a jogo, as opções de Levir Culpi são muitas. Pelo momento, Magno Alves larga na frente, assim como Marcos Junior que pode atuar na função de Wellington.

Com 37 pontos, o Fluminense quer se aproximar do G4 do Campeonato Brasileiro. A provável escalação é a seguinte: Júlio César; Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Pierre (Marquinho) Douglas, Cícero e Scarpa; Marcos Junior (Danilinho) e Magno Alves (Henrique Dourado).