Léo Pelé, lateral-esquerdo do Fluminense (Foto: Nelson Perez/F.F.C.)

O lateral-esquerdo do Fluminense Léo Pelé tinha previsão de retorno somente para a próxima temporada (Foto: Nelson Perez/F.F.C.)

LANCE!
30/11/2015
09:50
Rio de Janeiro (RJ)

No dia 30 de setembro, na partida contra o Grêmio, em Porto Alegre, pelas quartas de final da Copa do Brasil, Léo Pelé fraturou o pé e tinha previsão de retorno somente em 2016. Mas o lateral-esquerdo surpreendeu, ficou no banco de reservas diante do Internacional e atuou todo o segundo tempo no empate em 1 a 1, no último sábado, no Maracanã, pelo Brasileiro. Feliz, o camisa 23 revelou ter chorado no vestiário.

- Foi importante estar junto com o grupo. Estava sem ritmo de jogo, mas deu tudo certo. Eu sou novo, mas me comporto como profissional. Eu fiquei emocionado dentro do vestiário ao voltar ainda este ano. Fiquei muito feliz. Chego mais confiante para 2016 - festejou.

Para a próxima temporada, caso o Fluminense não contrate nenhum jogador, Léo Pelé vai brigar pela vaga de titular com Ayrton, Giovanni e Wellington Silva, que apesar de ser lateral-direito de origem, pode atuar improvisado no setor. Essa disputa, entretanto, não o preocupa.

- Respeito todos os laterais, mas trabalho para conseguir o meu espaço. Porém, é claro, sempre respeitando a decisão do técnico Eduardo Baptista - encerrou.