Giulite Coutinho (Foto: Divulgação/América)

Parte da cobertura do Giulite Coutinho foi derrubada pelo vento (Foto: Divulgação/América)

LANCE!
02/01/2017
17:30
Rio de Janeiro (RJ)

Após parte da cobertura do Setor A da arquibancada cair, o Estádio Giulite Coutinho, do América, não deve demorar a voltar a receber jogos, inclusive do Fluminense, que pretende mandar as partidas do Carioca em Edson Passos. Vice-presidente de Planejamento do América, Marcelo Burgos afirmou, em entrevista ao canal "Fox Sports", que a situação não é das mais complicadas:

- Em relação a sediar partida, o prazo é curto. É o tempo de fazer a limpeza e assegurar que os torcedores possam estar em segurança. A reconstrução da cobertura que é um prazo mais complexo. Em 15, vinte dias, até menos, podemos liberar o estádio para jogo. Salvo uma pequena parte, a arquibancada não teve dano. Condição de jogo vai ter, mas sem o conforto da cobertura, até levando em consideração que estamos no verão – disse Marcelo Burgos.

A estreia do Fluminense no Campeonato Carioca é diante do Vasco da Gama, em 28 ou 29 de janeiro. Esta partida, com mando de campo do Cruz-Maltino, deve ser realizada no Maracanã. Na segunda rodada da Taça Guanabara, em 1º ou 2 de fevereiro, o Tricolor recebe o Resende, e visa atuar em Edson Passos, se o estádio já estiver em condições e autorizado pelas entidades responsáveis.