Copa do Brasil - Ferroviaria x Fluminense (foto:Thiago Calil/Photopress)

Fred marcou dois gols, mas Flu só empatou com a Ferroviária em Araraquara (foto:Thiago Calil/Photopress)

Matheus Babo
04/05/2016
21:32
Araraquara (SP)

O torcedor do Fluminense que acompanhou o jogo do time ontem, contra a Ferroviária, ainda deve estar sem entender bem o que aconteceu em Araraquara. Quem acompanhou apenas os 30 minutos iniciais apostaria que o Tricolor venceu a partida por 5 a 0. E quem ligou a TV após esses 30 minutos iniciais deve ter se perguntado como o time abriu 2 a 0 com tanta facilidade.

O resultado final de 3 a 3 mostra que o jogo foi aberto, com as duas equipes buscando o ataque.

Fred entrou em campo com o maior jejum de gols desde que chegou ao Fluminense: dez jogos. Bastaram 16 minutos para o camisa 9 encerrar esta marca. Logo depois, ele marcou novamente, o que deixou o time muito tranquilo. Para melhorar a situação, só a expulsão do goleiro Rodolfo. E com um a mais em campo, o time de Levir Culpi ficou tranquilo até demais.

A Ferroviária, que até então vinha atuando mal, com muitos erros de passe e posicionamento, resolveu entrar no jogo. Com jogadores leves e bons de drible, como Wescley, Danielzinho e Tiago Marques. Ainda no primeiro tempo, o time perdeu um pênalti e empatou o jogo em menos de cinco minutos.

Levir tentou mudar um pouco da cara do time, colocando Douglas e Marcos Júnior nos lugares de Gerson e Osvaldo. Mas de pouco adiantou. O time se manteve desconcentrado e a Ferrinha aproveitou o bom momento. Logo no primeiro ataque do segundo tempo, Tiago Marques fez bela jogada individual e marcou um golaço para virar o jogo.

Querendo segurar o resultado, o técnico Antonio Picoli resolveu tirar dois dos destaques do time, Wescley e Tiago Marques. As substituições chamaram o Fluminense pra cima e mesmo com o Tricolor chegando mais na base da vontade do que na técnica, acabou chegando ao empate, com Magno Alves, de cabeça.

No fim, empate em 3 a 3 e jogo de volta marcado para o dia 12, no Rio de Janeiro. Até lá, Levir terá ainda mais tempo para trabalhar.

FICHA TÉCNICA
FERROVIÁRIA 3 X 3 FLUMINENSE


Data-hora: 4/5/2016, às 19h30
Local: Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Árbitro: Diego Almeida Real (RS)
Assistentes: Vanderson Antônio Zanotti (ES) e Victor Hugo dos Santos (PR)
Renda/Público: ND.

Cartões amarelos: Thallysson e Alex Silva (FER); Pierre (FLU).
Cartão vermelho: Rodolfo (FER)

Gols: Fred (0-1, 16'/1ºT e 0-2, 29'/1ºT), Luan (1-2, 43'/1ºT), Tiago Marques (2-2, 47'/1ºT e 3-2, 5'/2ºT) e Magno Alves (29'/2ºT).

FERROVIÁRIA: Rodolfo, Alex Silva, Luan, Marcão e Thallyson; Juninho, Daniel, Wescley (Kaio, 28'/2ºT) e Rafael Miranda; João Paulo (Alexandre Cajuru, 33/1ºT) e Tiago Marques (Caique, 22'/2ºT) - Técnico: Antonio Picoli.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre (Magno Alves, 17/2ºT), Cícero, Osvaldo (Marcos Junior, Intervalo), Gerson (Douglas, Intervalo) e Gustavo Scarpa; Fred - Técnico: Levir Culpi.