Copa do Brasil - Ferroviaria x Fluminense (foto:hiago Calil/AGIF/Lancepress!)

Copa do Brasil - Ferroviaria x Fluminense (foto:hiago Calil/AGIF/Lancepress!)

LANCE!
06/05/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Atitude. Esta palavra foi uma das mais repetidas nas entrevistas dos jogadores do Fluminense após o empate em 3 a 3 com a Ferroviária, na quarta-feira, em Araraquara, pela Copa do Brasil. O time cedeu a virada após abrir 2 a 0 no placar e ficar com um a mais em campo e a atuação acabou sendo muito criticada tanto pelos torcedores, quanto pelos jogadores e pela comissão técnica.

Capitão e ídolo do time, Fred desencantou após ficar dez jogos sem balançar as redes, mas não deixou Araraquara com motivos para comemorar. O camisa 9 cobrou uma postura diferente da equipe e ressaltou que a Ferroviária foi melhor que o Tricolor:

- Infelizmente não dá nem para comemorar os gols depois da situação que passamos. Tínhamos tudo para matar esse jogo e trouxemos a cobrança para o nosso lado. Agora temos de trabalhar forte para classificar na semana que vem e entrar bem no Brasileiro depois. O time da Ferroviária foi superior. Para piorar a nossa situação, eles ficaram quase 60 minutos com um jogador a menos e ainda perderam pênalti. Foi muito ruim, mexeu com o nosso time. Abrimos dois gols de vantagem ainda no primeiro tempo e levamos a virada. Temos de tirar de lição mais uma vez que na hora em que parece que está confortável é justamente o momento de aumentar a concentração e matar o jogo. Devido ao nosso comportamento, nós pagamos um preço alto.

O técnico Levir Culpi também se mostrou insatisfeito com o desempenho do time. Segundo o comandante tricolor, a equipe apresentou muitos erros e ressaltou que não foi a primeira vez que isso aconteceu:

- É a segunda vez que isso acontece, que vejo esse posicionamento errado, o time meio perdido. Vamos observar com calma a parte técnica e tática para ver o que pode ter acontecido. Foi muito parecido contra o Botafogo.