Macaé x Fluminense - Marcos Junior (Foto: Paulo Sérgio/ LANCE!Press)

Macaé x Fluminense - Marcos Junior (Foto: Paulo Sérgio/ LANCE!Press)

Matheus Babo
28/11/2015
10:30

Após um início muito bom no profissional do Fluminense, em 2012, Marcos Júnior caiu de produção e foi perdendo espaço no clube. O atacante sofreu com as seguidas lesões no ano seguinte, não conseguia emplacar uma sequência de jogos e acabou ficando em segundo plano no elenco.

Em 2014, foi emprestado ao Vitória no segundo semestre e participou da campanha que acabou rebaixando o clube baiano para a Série B. No fim da temporada passada, deprimidocom alguns motivos, chegou até a pensar em abandonar a carreira curta como jogador de futebol.

– Isso foi no final do ano passado. Meu final de ano foi em casa, passei por vários problemas pessoais. No futebol eu também estava bem desanimado e teve uma hora que sentei no sofá e disse "não dá mais, tenho que parar", mas também pensei o quanto eu batalhei para chegar até aqui. Procurei pedir a Deus, ele falou para eu não largar o futebol. Que aquilo ia passar – revela.

E passou. De volta ao Fluminense, Marcos Júnior demorou um pouco a voltar a jogar, mas retomou a titularidade no início do Brasileiro. Em 2015, foram 36 jogos e sete gols.