LANCE!
23/10/2017
17:58
Rio de Janeiro (RJ)

Douglas, Sornoza, Henrique, Wellington SIlva, Orejuela... Na antevéspera do Fla-Flu, Abel Braga viu os cinco jogadores irem a campo e treinarem no CT Pedro Antonio nesta segunda, mas suas participações no clássico de quarta, que abre o confronto das quartas de final da Copa Sul-Americana, ainda estão incertas.

A atividade na reapresentação do elenco após a derrota para a Chapecoense teve poucos minutos abertos à imprensa, o que manteve o mistério quanto à escalação. Porém, Sornoza e Orejuela são os mais cotados para atuarem. Eles realizaram exames na semana passada, mas não tiveram lesões constatadas.

Henrique e Wellington Silva já estão treinando com o grupo há alguns dias, mas vêm de um período mais longo fora do time. Assim, precisam vencer também a falta de ritmo se forem relacionador por Abel. A situação mais complicada, que nem o técnico soube precisar, é a de Douglas, que voltou a sofrer dores por conta de uma artrite reativa e teve seu medicamento reajustado.

- Douglas não foi ao clube sexta. Não sabemos como será a reação. Ele não sentiu exatamente o que sentia antes, foi proporção muito menor. Pode ser que com o aumento da medicação, melhore - projetou Abel Braga.

Entre os titulares que não atuaram em Chapecó, Henrique Dourado foi o único confirmado por Abel Braga para o Fla-Flu da Sul-Americana. O camisa 9, jogador que mais atuou pelo Tricolor na temporada, foi poupado da partida contra a Chapecoense por conta de um incômodo muscular.

Artilheiro do Flu em 2017 e na Copa Sul-Americana, Henrique Dourado tem seu retorno comemorado pela torcida e por seus companheiros. O lateral-esquerdo Marlon comentou a importância da presença do Ceifador no clássico.

- Tem um peso muito grande para a equipe. É o artilheiro da temporada (do Brasil, com 30 gols), os adversários o respeitam. É um cara experiente e que sabe fazer gols - comentou Marlon.