CT do Fluminense

(Foto: Reprodução Instagram Pedro Antonio - Fluminense)

LANCE!
25/12/2016
16:57
Rio de Janeiro (RJ)

Na última sexta-feira o Fluminense teve seu Centro de Treinamento invadido na Barra da Tijuca e o conselheiro Pedro Antônio, que dá nome ao CT, falou sobre o ocorrido à 'Rádio Globo" neste domingo e também sobre a ação da polícia após  o fato.

- Realmente foi um momento complicado. A gente tem um sistema de monitoramento e a polícia foi ágil e prestativa. Ao mesmo tempo que a policia fazia incursão no local as câmeras mostravam o que ocorria dentro - explicou.

Sobre a vizinhança problemática, cercada por comunidades, Pedro Antônio cobrou ação do poder público e falou que o Fluminense se preocupa sim com seus vizinhos: 

- Não podemos ser passivos. O Fluminense se preocupa com o entorno as comunidades que contam com quase todas as pessoas de bem mas tem alguns que buscam o outro lado... Mas agora esse assunto tem de ser uma página virada. Vamos tentar atender melhor nossa cidade e nossos seguranças (torturados pelos bandidos).