Fluminense x Botafogo (Foto: Paulo Sérgio/Lancepress!)
Igor Siqueira
29/05/2016
18:43
Volta Redonda (RJ)

Não é porque o Fluminense venceu o clássico com o Botafogo sem levar grandes sustos defensivos que Levir Culpi deixou de dar um puxãozinho de orelha no time. Na visão do treinador, a vitória esteve sob risco por causa da falta de pontaria nas oportunidades diante de Helton Leite.

– O jogo foi decidido na falta de competência da nossa finalização – apontou Levir, que emendou:

– Pelas oportunidades criadas, o time merece puxão de orelha, tínhamos que ter marcado mais. Fizemos apenas um gol para muitas chances.

Os números comprovam que a leitura de jogo de Levir Culpi foi a correta. O Fluminense chutou, ao todo, 14 vezes. E só três foram na direção do gol, com outras 11 não exigindo atuação de Helton Leite.

Mas, ao mesmo tempo em que cobrou mais bolas no fundo da rede, Levir não poupou elogios a quem conseguiu acertar o alvo: Fred.

– Ele é um cara que tem presença de área interessante. Apesar de certa idade, mantem jogo de alto nível. Mantém um porte físico legal, sabe jogar com o corpo. Fez um gol colocado, uma bola pesada no canto – completou o treinador.

A cobrança por mais eficiência tem motivo, além de vitórias mais tranquilas: o próximo adversário do Fluminense é o Atlético-MG, trabalho anterior de Levir Culpi.