Flamengo 6 x 0 Botafogo

Flamenguistas comemoram um dos gols no Maracanã: conquistas chegaram ao mundo (Reprodução / You Tube)

RADAR / LANCE!
08/11/2015
09:10
Rio de Janeiro (RJ)

Os motivos para a torcida do Flamengo recordar o fim do ano de 1981 não ficaram restritos ao dia 8 de novembro. Logo após aplicar a goleada histórica por 6 a 0 sobre o Botafogo (que teve sabor de "vingança", devido ao revés que Jairzinho comandou em 1972), a equipe teve, pelo menos, seis motivos para fazer a festa.

O LANCE! aponta abaixo os fatos que se desencadearam após o 6 a 0 sobre o Botafogo.

1 - ADEUS, "FANTASMA"!

Com a goleada por 6 a 0 sobre o Botafogo, o Flamengo silenciou as provocações que ocorreram durante nove anos. O triunfo, que começou a ser construído ainda no primeiro tempo e teve seu último ato aos 42 minutos da etapa final, ficou ainda mais saboroso porque do outro lado estava Jairzinho, "carrasco" da goleada de 1972.

2 -  O ESQUADRÃO SE FORMA POR COMPLETO

Após a equipe conviver com um revezamento de nomes como Carlinhos e Baroninho na ponta-esquerda, o setor ganha no 6 a 0 seu titular definitivo. Com uma atuação impecável, na qual anotou um gol e se destacou em arrancadas e cruzamentos, Lico cai definitivamente nas graças da torcida, e entra no time para não sair mais.

3 - A AMÉRICA SE PINTA DE VERMELHO E PRETO

Fla 2 0 Cobreloa
Flamengo vence jogo-desempate com Cobreloa em Montevidéu (Foto: Reprodução / You Tube)

No jogo-desempate da final da Copa Libertadores (após vitória por 2 a 1 e derrota por 1 a 0), o Flamengo supera o confronto acirrado e a boa dose de violência do Cobreloa (CHI) em Montevidéu para sacramentar seu título. Cabe a Zico, em uma jogada individual aos 18 minutos do primeiro tempo, e em belíssima cobrança de falta a seis minutos do fim, sacramentar a conquista continental.

4 - NOVO TÍTULO E VANTAGEM PARA A FINALÍSSIMA DO CARIOCA

Volta Redonda 1 x 5 Flamengo
Avassalador, Rubro-Negro goleia o Volta Redonda para garantir o Terceiro Turno (Foto: Reprodução / You Tube)

Definida após muito suspense para o dia 26 de novembro, a última partida da equipe no Terceiro Turno ratifica o favoritismo do Flamengo na final do Campeonato Estadual. O Rubro-Negro garante uma goleada por 5 a 1 sobre o Volta Redonda e leva vantagem para a decisão contra o Vasco.

5 - COM 'LADRILHEIRO', FLA É CAMPEÃO CARIOCA E VAI RUMO A TÓQUIO

Fla 2x1 Vasco Ladrilheiro 1981 (Foto: Reprodução / You Tube)
Com direito a ladrilheiro em campo e confusão, Flamengo supera o Vasco na final do Carioca de 1981 (Foto: Reprodução / You Tube)

A decisão do Campeonato Carioca testou o coração de muitos flamenguistas. Iniciada sob a triste lembrança da morte de Cláudio Coutinho, que teve seu nome aplaudido por torcidas de Flamengo e Vasco, a final trouxe os vascaínos tirando a vantagem rubro-negra com um 2 a 0. Em seguida, Roberto Dinamite calou a comemoração do título no fim de um jogo debaixo de chuva. Porém, a taça finalmente chegou às mãos da Gávea no terceiro jogo: com gols de Adílio e Nunes, e a invasão de um ladrilheiro que esfriou os ânimos da reação vascaína, o Flamengo de Paulo César Carpegiani garantiu o 2 a 1 e, na semana seguinte, partiu para Tóquio.

6 - TUA VOZ ECOA PELO MUNDO, MENGÃO!

Flamengo 3 x 0 Liverpool
Flamengo derruba o Liverpool em um tempo só (Foto: Reprodução / You Tube)

No dia 13 de dezembro de 1981, o mundo pôde reverenciar o futebol do Flamengo. Diante de um Liverpool que era apontado como favorito, o Rubro-Negro deu tratos à bola desde o primeiro minuto e não teve dificuldades para definir sua vitória ainda no primeiro tempo. Com dois gols de um Nunes impiedoso e um de Zico inspiradíssimo, o Mengão encerrava o ano com a faixa de campeão do mundo no peito.