Rodinei arrancou risadas de jornalistas em entrevista (Gilvan de Souza / Flamengo)

Rodinei aprovou chegada de novo gerente de futebol do Flamengo  (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Hugo Mirandela
13/06/2016
18:19
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo anunciou nesta segunda-feira o ídolo Mozer como novo gerente de futebol do clube. E o novo dirigente rubro-negro já foi até o Ninho do Urubu conhecer os jogadores. Segundo Rodinei, o primeiro contato com o ex-zagueiro foi rápido, mas muito positivo. O lateral-direito contou que Mozer disse que chega para ajudar e acredita ser bom para o grupo ter ao lado alguém com uma história vitoriosa no Fla.

- Tem uma história muito bonita, ganhou muitos títulos pelo Flamengo. Ele falou com a gente um tempinho na academia. É um cara que vem ajudar e para somar. Vai ser muito importante. Ele falou que não está chegando para roubar espaço de ninguém e que vai ajudar - disse o jogador, ressaltando a importância da experiência do novo gerente para o grupo.

Rodinei evitou a entrar no assunto sobre a procura do Fla por um novo técnico. Ele disse que esse é uma questão da diretoria e elogiou o técnico interino Zé Ricardo.

- Em relação a diretor e vice que estavam atrás de técnico eu nem sabia, respeito muito o Zé (Ricardo), foi campeão da Copa São Paulo. Se vai chegar novo treinador ou não, deixamos para a diretoria. Temos que lutar sempre pelos três pontos e ajudar o Flamengo - comentou.


O lateral-direito rubro-negro também analisou o próximo jogo contra o Cruzeiro. Apesar de o jogo ser no Mineirão, ele disse que o Fla vai em busca da vitória, já que esse é o pensamento que um clube grande deve ter.
- Pensar em empate não existe. Quando jogava na Ponte Preta, com todo respeito, eu pensava num empate contra Flamengo e Cruzeiro. Achava que estava ótimo. Quando vim para o Flamengo, time grande, nunca pensei em empate, independentemente se será no Mineirão ou não. O importante é não perder, o empate não seria ruim, mas vamos em busca da vitória - projetou Rodinei, que minimizou o reencontro com o atacante Riascos, que foi carrasco do Fla quando jogava no Vasco.

- Em relação a Riascos, carrasco, isso não muda nada. Vamos em busca da vitória - completou.