Zé Ricardo - Fluminense x Flamengo

Zé Ricardo lamentou polêmica no clássico em Volta Redonda (Foto: Celso Pupo/Fotoarena/Lancepress)

Hugo Mirandela
14/10/2016
00:21
Rio de Janeiro (RJ)

Em um clássico muito disputado no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, o Flamengo venceu o Fluminense por 2 a 1, na noite desta quinta-feira. A partida foi marcada por uma grande confusão já no fim do jogo, quando a arbitragem anulou um gol de Henrique, depois confirmou e logo após voltou atrás, para revolta dos tricolores. O técnico Zé Ricardo lamentou a polêmica em uma vitória importante do Fla, mas na sua visão, o importante é que o correto acabou sendo feito.

- Infelizmente, a gente vai ter que discutir sobre esse lance que quase mudou a partida no final ao invés do jogo. O importante, na minha visão, é que a justiça foi feita. Realmente é um lance lamentável, porque a gente prega um espetáculo limpo e não quer essa situação. Infelizmente aconteceu, mas tenho que valorizar o grupo que apesar de não ter feito partida brilhante, soube jogar a metade do segundo tempo até o final - comentou o treinador do Flamengo.

O treinador analisou o desempenho e a estrutura do Rubro-Negro no clássico. Segundo ele, o Fla até teve bons momentos, mas não conseguiu ser dominante durante toda a partida. 

- Tivemos momentos bons na partida mas não conseguimos ir bem o jogo todo. O Alan tinha condição de fazer um auxílio por dentro e o Fernandinho pela direita. O Alan rende melhor pelo lado esquerdo. Mas entendemos que com a pressão do Fluminense a gente perdeu a posse de bola no ataque, invertemos e adiantamos o Arão para ter dois triângulos em campo. No segundo tempo se descaracterizou por conta das substituições dos dois lados.


Para a partida contra o Internacional, domingo, no Beira-Rio, Zé Ricardo espera contar novamente com o centroavante Paolo Guerrero. O peruano ficou fora do clássico desta quinta por conta de dores na coxa direita.

- Recebemos o relatório do treino de hoje (quinta), ele melhorou bastante. Realmente estava muito desgastado dos jogos pela seleção peruana. A expectativa é que ele possa treinar normalmente na tarde desta sexta. Quando ele se apresentou, eu me reuni com o departamento médico e tomei a decisão de poupa-lo do jogo de hoje. O risco de disputar um jogo pesado como esse e se machucar era grande - explicou Zé Ricardo.