icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/08/2015
10:57

O atacante Paolo Guerrero quebrou contra o São Paulo, no domingo, um jejum de mais de um mês. De acordo com o técnico Oswaldo de Oliveira, o peruano do Flamengo sentiu um pouco de pressão nos ombros em algumas partidas por toda a exaltação feita por torcedores e imprensa, após chegar fazendo três gols e receber de homenagem músicas, como "Acabou o caô, o Guerrero chegou".

- É uma situação que estamos habituados a ver os atacantes passarem. Vez por outra a bola não entra. Mas ela volta a entrar. Guerrero é um jogador, pelo pouco convívio, muito responsável. E a forma que chegou ao Flamengo, o 'auê' todo... Foi muito festejado pela torcida, imprensa, pelos próprios jogadores. Acho que isso pesou um pouco nos ombros dele e tirou a tranquilidade em alguns jogos. O importante para a convivência dele na equipe é que ele tivesse marcado - afirmou o treinador.



Guerrero, durante entrevista na zona mista após a partida, também falou sobre o fim do jejum com a camisa do Flamengo.

- (Emoção ao marcar o gol) Era o jejum. Vinha tendo chances e, infelizmente, a bola não estava entrando. Hoje (domingo) também tive mais duas oportunidades de fazer o gol e não queria entrar. Graças a Deus consegui marcar. Isso estava tirando meu sono, não estava me deixando tranquilo. Eu não estava conseguindo descansar, até pelos resultados. Agora, dá para descansar bem - destacou o peruano.

O Flamengo se reapresenta na tarde desta segunda-feira, no Ninho do Urubu. O próximo compromisso é na quarta-feira, diante do Vasco, pela Copa do Brasil, pelo segundo jogo das oitavas de final. No primeiro encontro, a equipe rubro-negra foi derrotada por 1 a 0 e precisa vencer por dois gols de diferença para se classificar.

E MAIS:
> Guerrero acaba com jejum e Flamengo vence o São Paulo de virada
> Júnior é homenageado pelo Flamengo e assina Livro de Ouro do Maracanã
> FOTOS - A vitória do Flamengo sobre o São Paulo em imagens
> ATUAÇÕES: Alan Patrick comanda o Fla; dupla de zaga do São Paulo vai mal
> Após vitória, Sheik exalta sistema tático de Oswaldo de Oliveira
> Samir desabafa depois de vitória do Fla: 'Estou dando a volta por cima'
> VÍDEO Com gol de Guerrero, Fla vence São Paulo de virada no Maraca
> Acabou o caô, de novo! Guerrero se emociona com fim de jejum no Flamengo
> Oswaldo aprova estreia pelo Flamengo e vê segundo turno promissor no Brasileiro

O atacante Paolo Guerrero quebrou contra o São Paulo, no domingo, um jejum de mais de um mês. De acordo com o técnico Oswaldo de Oliveira, o peruano do Flamengo sentiu um pouco de pressão nos ombros em algumas partidas por toda a exaltação feita por torcedores e imprensa, após chegar fazendo três gols e receber de homenagem músicas, como "Acabou o caô, o Guerrero chegou".

- É uma situação que estamos habituados a ver os atacantes passarem. Vez por outra a bola não entra. Mas ela volta a entrar. Guerrero é um jogador, pelo pouco convívio, muito responsável. E a forma que chegou ao Flamengo, o 'auê' todo... Foi muito festejado pela torcida, imprensa, pelos próprios jogadores. Acho que isso pesou um pouco nos ombros dele e tirou a tranquilidade em alguns jogos. O importante para a convivência dele na equipe é que ele tivesse marcado - afirmou o treinador.



Guerrero, durante entrevista na zona mista após a partida, também falou sobre o fim do jejum com a camisa do Flamengo.

- (Emoção ao marcar o gol) Era o jejum. Vinha tendo chances e, infelizmente, a bola não estava entrando. Hoje (domingo) também tive mais duas oportunidades de fazer o gol e não queria entrar. Graças a Deus consegui marcar. Isso estava tirando meu sono, não estava me deixando tranquilo. Eu não estava conseguindo descansar, até pelos resultados. Agora, dá para descansar bem - destacou o peruano.

O Flamengo se reapresenta na tarde desta segunda-feira, no Ninho do Urubu. O próximo compromisso é na quarta-feira, diante do Vasco, pela Copa do Brasil, pelo segundo jogo das oitavas de final. No primeiro encontro, a equipe rubro-negra foi derrotada por 1 a 0 e precisa vencer por dois gols de diferença para se classificar.

E MAIS:
> Guerrero acaba com jejum e Flamengo vence o São Paulo de virada
> Júnior é homenageado pelo Flamengo e assina Livro de Ouro do Maracanã
> FOTOS - A vitória do Flamengo sobre o São Paulo em imagens
> ATUAÇÕES: Alan Patrick comanda o Fla; dupla de zaga do São Paulo vai mal
> Após vitória, Sheik exalta sistema tático de Oswaldo de Oliveira
> Samir desabafa depois de vitória do Fla: 'Estou dando a volta por cima'
> VÍDEO Com gol de Guerrero, Fla vence São Paulo de virada no Maraca
> Acabou o caô, de novo! Guerrero se emociona com fim de jejum no Flamengo
> Oswaldo aprova estreia pelo Flamengo e vê segundo turno promissor no Brasileiro