Flamengo derrota o Orlando City no Maracanã (foto:Wagner Meier/LANCE!Press)

Confronto com o Orlando City pode se repetir no ano que vem (foto:Wagner Meier/LANCE!Press)

David Nascimento
16/11/2015
10:05
Rio de Janeiro (RJ)

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, e o mandatário do Orlando City, Flávio da Silva, se encontraram no gramado do Maracanã durante a preliminar masters do Flamengo x artistas, no domingo, e conversaram sobre a continuidade da parceria entre as partes. Foi esboçada a ideia, durante o encontro, de um novo amistoso em fevereiro de 2016, só que desta vez nos Estados Unidos.

A cúpula do Orlando City tem o planejamento de aumentar a sua visibilidade no mercado internacional, especialmente no Brasil, já que conta com o meia Kaká (ausente no amistoso de domingo por estar à serviço da Seleção Brasileira). Estes jogos com o Flamengo, time de maior torcida do Brasil, deixam o clube estadunidense mais perto do objetivo.

Vale lembrar que o Flamengo tinha a ideia inicial de fazer a pré-temporada de 2016 em Miami, nos Estados Unidos, o que facilitaria este processo para o amistoso. Entretanto, o Rubro-Negro fechou com um resort de luxo em Mangaratiba (RJ). No início da próxima temporada, também vale destacar, o Fla dividirá o elenco em dois, com os reservas ocupados com o Carioca.