Treino do Flamengo

Guerrero em treino do Flamengo (Foto: Cleber Mendes/Lancepress!)

Paulo Victor Reis
02/03/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Quem acompanhou a goleada do Flamengo sobre o Resende, no último domingo, em Volta Redonda, pôde perceber Guerrero lamentando em um lance de ataque do Rubro-Negro. Na ocasião, Emerson saiu em arrancada para o ataque, com o parceiro do lado, mas preferiu tentar a finalização. O lance, porém, não criou qualquer tipo de problema. Pelo menos, é o que afirma Sheik.

- O Guerrero talvez seja o cara com quem eu tenha mais intimidade no Flamengo. Até porque não o conheço apenas por um ano e meio. Ele não reclamou (pelo lance em que não recebeu o passe), porque ele me conhece. Ele sabe que em todas as oportunidades que tiver de tocar a bola, eu vou fazer isso, assim como os outros atletas. Mas, às vezes, acontece, o time goleia e um (jogador) não faz. Domingo não foi o dia dele, mas sábado já está próximo. É um cara em que depositamos toda a confiança do mundo, é o nosso artilheiro, talvez seja o melhor número 9 do país. Então, é um cara que está tranquilo. Ele resolve tudo - disse Emerson.

Guerrero passou em branco na goleada de 5 a 0 sobre o Resende, mas tem bons números na temporada. Ele fez cinco gols neste ano e é o artilheiro do Flamengo no ano. Já Emerson balançou a rede quatro vezes, assim como Marcelo Cirino.