Rodinei arrancou risadas de jornalistas em entrevista (Gilvan de Souza / Flamengo)

Rodinei concedeu entrevista nesta sexta-feira (Gilvan de Souza / Flamengo)

Matheus Dantas
27/05/2016
14:27
Rio de Janeiro (RJ)

Apesar de estar agendada há uma semana, a visita das torcidas organizadas ao CT do Ninho do Urubu pegou os jogadores do Flamengo de surpresa. Após o treino fechado desta sexta-feira, o lateral-direito Rodinei conversou com a imprensa e comentou como foi a conversa com os membros das organizadas.

- Todos os jogadores conversaram com eles, estávamos reunidos nessa sala. Vieram para apoiar, não teve crítica e nem colocaram dedo na cara. O momento que não é fácil. Só vieram apoiar, pois ninguém quer passar por isso. Foi uma coisa agendada pela diretoria, pelo presidente - afirmou Rodinei.


Apesar de ressaltar que os torcedores apenas deram apoio ao jogadores, Rodinei estava visivelmente constrangido ao responder as perguntas sobre a reunião com as organizadas, que foi o assunto da coletiva.

De acordo com Rodinei, ele só ficou sabendo da presença dos torcedores nesta sexta-feira, ao chegar no CT do Ninho do Urubu pela manhã. Questionado se achava correto o elenco só ser avisado no dia sobre a reunião, o lateral-direito desconversou;

- Eu só fiquei sabendo hoje quando cheguei para o treino. Não digo que é estranho (o elenco não ter sido avisado sobre a reunião), pois foi uma coisa agendada pela diretoria. Eu tenho contato com meus companheiros de trabalho. Daqui para fora tenho minha vida, minha família. Não cabe a mim comentar isso se a diretoria optou por não avisar. A decisão é deles.