Eduardo Bandeira de Mello

No comando de Eduardo Bandeira de Mello. Flamengo conquistou dois títulos (foto: Wagner Meier)

LANCE!
20/05/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Com um trabalho indiscutível na questão financeira do clube, a gestão
do presidente Eduardo Bandeira de Mello não apresenta o mesmo sucesso no âmbito esportivo. A derrota para o Fortaleza na quarta-feira, que eliminou o Rubro-Negro na pior campanha da história do clube na Copa do Brasil, foi apenas mais uma decepção para os torcedores.

Desde 2013, ano em que Bandeira assumiu a presidência do Flamengo,
apenas dois troféus foram adicionados à galeria da Gávea: Copa do Brasil de 2013 e Carioca de 2014. Estas foram as únicas finais que o Rubro-Negro disputou desde então.

No Brasileirão, os resultados vêm sendo ainda mais decepcionantes. Em nenhuma das últimas três edições o Flamengo terminou acima da
10 colocação alcançada em 2014.


No primeiro ano do mandato de Bandeira, o time terminou na 16 posição. Na última temporada, a equipe, que contava com os atacantes Paolo Guerrero e Emerson Sheik, terminou no 12 º lugar.
Na Copa do Brasil de 2015, o algoz foi o Vasco. Em 2014, o Atlético-MG conseguiu uma histórica virada no Mineirão, após sair perdendo por 2 a 0.

Na Copa Libertadores de 2013, queda do Flamengo na fase de grupos após derrota para o Léon, do México, no Maracanã por 3 a 2.