Após período difícil, Gabriel se diz pronto para ajudar o Flamengo
Pedro Barboza
12/11/2015
14:27
Rio de Janeiro (RJ)

Titular nas últimas duas partidas, Gabriel foi o último jogador do elenco a ter uma chance com o técnico Oswaldo de Oliveira, desde a chegada do treinador ao Flamengo. Com boas atuações contra o Grêmio e Goiás, o camisa 17 pede passagem para se manter no time titular, nas últimas partidas do Campeonato Brasileiro. Irreverente e bastante espontâneo, o jogador destaca o bom momento e espera seguir sendo lembrado pelo treinador.

- Momento bom, fiquei um tempo sem jogar, depois passei a receber oportunidades no segundo tempo. Acredito que fiz bons jogos contra Grêmio e Goiás. Agora o importante é tentar manter a sequência - lembrou o meia.

Contratado como aposta, ainda em 2013, depois de despontar no Bahia, Gabriel acredita que o tempo que ficou sem oportunidades o fizeram aprender cada dia mais para buscar o amadurecimento.

- Rendi menos do que ano passado, tive seis primeiros meses de titular. Passei a ficar um tempo sem entrar. Agora estou jogando, não foi um ano como queria, mas foi de muito aprendizado. Passei por coisas que não tinha passado. Situações vão te deixando pronto. Você passando por situações que nunca passou, como ficar sem jogar é complicado, mas aprendi bem isso e espero não passar mais por isso - reconheceu.

Com 132 jogos pelo Rubro-Negro, Gabriel já marcou 16 gols. Com ele em campo, o Fla venceu 66 vezes, empatou outras 28, e perdeu 38 partidas.

Após boa jogada de ataque, Gabriel marca e encerra treino do Fla
Após boa jogada de ataque, Gabriel marca e encerra treino do Fla