Campeonato Brasileiro - Fluminense x Flamengo (foto:Nelson Perez/Fluminense)

STJD entendeu que Fla-Flu disputado em Natal já valia como pena do Rubro-Negro (Foto: Romildo de Jesus/L!press)

LANCE!
15/09/2016
18:07
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo conseguiu algumas alterações em suas penas no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, nesta quinta-feira. O colegiado do Pleno do STJD entendeu que o Rubro-Negro só precisa cumprir mais uma partida sem torcida como visitante e duas com restrição de 20% do público como mandante.

Nas penas divulgadas no dia 1 de setembro, o Rubro-Negro pegou três jogos como vistante sem a sua torcida. Nesta quinta, o Fla conseguiu convencer o STJD que já tinha começado a cumprir a punição contra o Vitória, no último domingo.  Com isso, agora o time só precisa atuar sem sua torcida longe de casa em apenas mais um jogo (contra o São Paulo, no Morumbi), já que jogou assim também contra o Palmeiras, na última quarta.

Nesta partida contra o Tricolor no Morumbi, torcedores rubro-negros que não são de organizada poderão ir. Foi o que explicou o presidente do STJD, Ronaldo Botelho. Segundo ele, o Flamengo não pode pedir sua cota de ingressos, mas se o São Paulo quiser, pode efetuar a venda para os torcedores comuns.

- Na verdade houve um esclarecimento após questionamento do Flamengo. Já era nossa decisão originária que o clube não vendesse ingressos quando visitante, não exercesse o direito de venda. Mas não impedir que o mandante venda para o adversário comum. Não podemos ter é integrante de organizada - disse o presidente Ronaldo Botelho ao site da "ESPN".

Outra decisão do STJD foi em relação ao jogos como mandante sem 20% da torcida. No julgamento, os auditores entenderam que o Fla-Flu do primeiro turno, no dia 26 de julho, já valia para a pena. Isso porque o Flamengo tirou o jogo de Brasília para Natal para cumprir punição em primeira instância. Agora o Rubro-Negro só precisa cumprir essa pena contra o Figueirense, neste domingo, e Cruzeiro, no próximo dia 25.

Essas punições são por conta da briga entre torcedores do Flamengo e do Palmeiras em partida no primeiro turno, no Mané Garrincha. Após as penas recebidas em segunda instância, o Rubro-Negro entrou com uma medida e conseguiu essas alterações.