Everton - Flamengo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Everton será titular contra o Atlético-MG, nesta quinta-feira, pela Primeira Liga (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

João Matheus Ferreira
26/01/2016
13:40
Rio de Janeiro (RJ)

Envolvido em polêmicas no ano passado, o meia Everton garante que 2016 será um ano diferente. Ao conceder entrevista coletiva pela primeira vez depois do episódio de afastamento no ano passado, ele mostrou que está bastante focado nos objetivos que traçou para a temporada. Com o time ainda em montagem, foi titular nos amistosos contra Ceará e Santa Cruz e nesta terça-feira foi mantido pelo técnico Muricy Ramalho na equipe que enfrenta o Atlético-MG, nesta quarta, às 21h45, no Mineirão, pela estreia na Primeira Liga.

- Meu foco sempre esteve aqui, nunca pensei em sair. Ano passado, em julho, tive proposta da China e não fui. Quero esquecer o que passou e focar aqui. Ano passado está superado. Esse ano quero fazer coisas boas dentro de campo. Sempre me doei e isso vai continuar assim - comentou o jogador.

Embora queira colocar 2015 no passado, Everton evita o rótulo de recomeço na temporada. Entre o fim do ano passado e o início deste ano, ele foi cotado no futebol chinês, algo que não foi para frente. Ele mesmo negou qualquer oferta.

- Não é recomeçar. Tenho contrato até 2017, foi especulação e não teve nada de concreto da China - comentou o meia, que será titular contra o Atlético-MG.


Assim que terminou a coletiva, Everton se juntou à delegação que viaja na tarde desta terça para Belo Horizonte. No treino desta manhã, Muricy Ramalho manteve a formação dos amistosos no Nordeste, com Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Márcio Araújo; Willian Arão, Everton, Gabriel e Emerson Sheik; Guerrero. Alan Patrick e Mancuello, fora do BID, sequer viajam.